opções binárias teoria melhores indicadrores para operar win day trade melhor broker opções binárias operações com day trade no imposto de renda malware opções binárias chrome curso trader operações mercdo de valores operando robo metatrade day trade opções binárias investimentos mercado livre opçoes binarias padrões de candlestick em opções binárias sinais opções binárias free trader group investimento call o que significa opçoes binarias operar day trade co custos operação de day trade bovespa best forex trading uk tabela a2 trader investimentos altos
Home Eventos Democracia em Vertigem pode consagrar Petra Costa

Democracia em Vertigem pode consagrar Petra Costa

Por Alagoas Brasil Noticias

Petra durante encontro com o ator Brad Pitt em evento do Oscar

FOTO: ARQUIVO PESSOAL

Quais as chances de “Democracia em vertigem” ganhar o Oscar? São poucas, mas ter sido indicado como Melhor Documentário “já é uma grande vitória”, avaliou a diretora Petra Costa.

A premiação é neste domingo (9) e o G1 transmite o Oscar ao vivo e na íntegra.

Ao G1, Petra falou sobre as chances de ganhar. “Cada lista de previsão diz uma coisa”, comenta. “É um grupo bem forte de documentários este ano, surpreende que sejam quatro filmes estrangeiros, pois todo ano havia sido apenas um.”

A diretora também falou sobre a repercussão do filme no Brasil. “O interessante é que me chamaram de anti-patriótica. Pois para mim o filme foi uma carta de amor ao Brasil”, define Petra.

“Acredito que muito dessa polarização foi criada, financiada e alimentada nos últimos anos – eu não acho que ela faça parte da nossa cultura.”

Para a cineasta mineira de 36 anos, essa indicação ao Oscar pode “inspirar mais respeito ao cinema brasileiro”. “Apesar do meu filme não ter sido financiado em solo nacional, espero que esse reconhecimento mostre o quão importante é o investimento nacional no cinema brasileiro.”

Levando em conta as premiações que são termômetros do Oscar, não vai ser agora que o cinema brasileiro vai ganhar a estatueta pela primeira vez.

O grande favorito se chama “Indústria Americana” e mostra os problemas enfrentados por um bilionário chinês que resolveu abrir uma fábrica em Ohio, nos Estados Unidos.

O casal americano Steven Bognar e Julia Reichert, já indicado ao Oscar, ganhou o prêmio do Sindicato dos Diretores (Melhor Direção em Documentário).

“Honeyland”, também indicado a Melhor Filme Internacional, e duas produções sobre a Guerra na Síria (“For Sama” e “The Cave”) completam a lista.

Mais um quase do Brasil?

Oficialmente, o Brasil nunca ganhou o Oscar. O país já foi quatro vezes indicado ao Oscar de Melhor Filme em Língua estrangeira (“Central do Brasil”, “O pagador de promessas”, “O quatrilho” e “O que é isso, companheiro?”) e uma vez a melhor animação (“O menino e o mundo”).

As 6 vezes em que o Brasil chegou mais perto do Oscar

Já teve Brasil também em Melhor Curta (“Uma história de futebol”), Documentário (“Raoni”, “Lixo extraordinário” e “O Sal da Terra”) e canção original (“Real in Rio”, de Carlinhos Brown e Sérgio Mendes). “Cidade de Deus” teve quatro indicações, mas não levou.

“Orfeu Negro” venceu o Oscar de Filme Estrangeiro em 1950, mas foi inscrito pela França. Artista e figurinista, a australiana Luciana Arrighi nasceu no Rio, onde viveu até os dois anos. Ela venceu em 1993 com o prêmio de Melhor Direção de Arte por “Retorno a Howards End”.

Fonte: Gazeta Web 

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário