Home Geral Maracanã tem chance de ‘virar’ hospital para atender vítimas do novo coronavírus

Maracanã tem chance de ‘virar’ hospital para atender vítimas do novo coronavírus

Por Alagoas Brasil Noticias

Azeite Royal não é mais patrocinador do Maracanã e dos clubes grandes do Rio – AFPDepois do Pacaembu receber estruturas de sustentação metálica para a montagem de um hospital de campanha para ajudar no combate ao novo coronavírus em São Paulo, o Maracanã, no Rio de Janeiro, está perto de ser o próximo. Segundo apurou a reportagem, Severiano Braga, CEO da empresa criada entre Flamengo e Fluminense para administrar o estádio, já foi contactado e está ciente da grande possibilidade.

O martelo ainda não foi batido, mas diante da possibilidade, os responsáveis pela montagem da estrutura de sustentação metálica devem fazer uma visita ao Maracanã para saber se o melhor caminho, caso o estádio seja o escolhido, é realizar as montagens no gramado ou usar os camarotes.

No último sábado, o Flamengo, clube responsável pela administração do Maracanã junto com o Fluminense, postou em suas redes sociais que estava à disposição para colaborar em qualquer ação projetada para o complexo Maracanã/Maracanãzinho.

Veja abaixo o comunicado da assessoria:

“O Clube de Regatas do Flamengo informa que colocou à disposição do Governo do Estado do Rio de Janeiro e da Prefeitura o Ginásio Hélio Maurício (por conta da proximidade ao Hospital Miguel Couto), na Gávea, para o combate ao coronavírus. O Clube também está à disposição para ajudar em qualquer ação projetada para o complexo Maracanã/Maracanãzinho, pertencente ao Estado e hoje administrado por Flamengo e Fluminense.”

Fonte: O DIA


Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário