Home Alagoas Cloroquina, respiradores e novo decreto: assista vídeo da coletiva do Governo de Alagoas

Cloroquina, respiradores e novo decreto: assista vídeo da coletiva do Governo de Alagoas

Por Alagoas Brasil Noticias

O governador de Alagoas, Renan Filho (MDB), anunciou na noite de ontem (20), em coletiva para a imprensa, a prorrogação do decreto de emergência em virtude da pandemia do coronavírus. O novo decreto praticamente não trouxe alteração em relação ao anterior, mas o governador afirmou que, apesar do documento vigorar até o fim do mês, não significa que não possa haver alteração antes do fim desse prazo.

“Estamos prorrogando porque há necessidade de manter o isolamento social. Há necessidade que o estado tenha mais tempo para atender às pessoas que estão nos hospitais, para ampliar a rede hospitalar ainda mais e para estar apto a receber mais pessoas no futuro próximo”, disse Renan Filho. 

“A rede de saúde pública se aproxima da lotação máxima, a rede privada de saúde já está lotada há alguns dias. Resta ao povo alagoano a rede pública de saúde que ainda tem algumas vagas”, enfatizou o governador.

Renan Filho também disse, durante a coletiva, que tinha conversado mais cedo, ao telefone, com o Presidente da República, Jair Bolsonaro, e com o ministro interino da saúde, Eduardo Pazuello, pedindo auxílio em relação ao envio de respiradores ao estado. O governador de Alagoas disse que pediu 60 respiradores mas que a promessa do ministro é tentar enviar 30 aparelhos

“Eu falei para o ministro que é fundamental que o Ministério da Saúde envie respiradores para ajudar o estado neste momento. A gente se aproxima da nossa lotação máxima e fomos um dos poucos estados do Brasil que não recebeu. O ministro garantiu a Alagoas que enviaria, essa semana ainda, os respiradores para que a gente possa ampliar ainda mais a nossa rede de saúde”, disse Renan Filho. 

Medicamentos

Ainda durante a coletiva à imprensa, o governador Renan Filho e o secretário de estado da saúde, Alexandre Ayres, falaram sobre o uso e a distribuição da cloroquina e de outros medicamentos.

“O secretário da saúde Alexandre Ayres assinou um ofício hoje ao Ministério da Saúde, solicitando novas remessas de medicamentos, especialmente Hidroxicloroquina e Azitromicina, que são os dois medicamentos mais utilizados no tratamento de covid-19. O Ministério da Saúde mudou a sua regulamentação para o uso de cloroquina. Nós estamos reunidos com a Sociedade Alagoana de Infectologia permanentemente para decidir qual é o caminho que nós vamos seguir no estado. Mas o que é certo é que nós vamos aumentar a precocidade do tratamento e aumentar a precocidade do internamento em leito clínico, porque isso ajuda a salvar mais vidas, ajuda a menos pessoas precisarem de UTI. Mas o que mais ajuda, sem dúvidas, é o isolamento social. O melhor tratamento para o momento é não adoecer.”

O secretário de saúde Alexandre Ayres falou sobre as dificuldades em adquirir os lotes de cloroquina em todo o país. “A gente tem visto muitas acusações de que o governo estaria restringindo a utilização ou guardando esses medicamentos em estoque. Esse não é o nosso interesse. O nosso objetivo é ampliar, cada vez mais, o tratamento dos pacientes e dos cidadãos contaminados aqui em Alagoas. A gente tem feito esses pleitos, junto ao Governo Federal, e temos tentando adquirir esses medicamentos junto aos laboratórios nacionais para que a gente faça essa dispensação sempre a critério médico. Quem decide a utilização ou não são os médicos, eles são os especialistas e as pessoas mais capacitadas para decidir se aquele paciente pode fazer uso daquele tipo de medicamento ou não”, explicou o secretário.

 

Assista à coletiva, transmistida ao vivo no programa Cidade Alerta Alagoas, da TV Pajuçara:

 

 
Fonte: TNH1
 
 

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário