Anadia/AL

28 de setembro de 2021

Anadia/AL, 28 de setembro de 2021

Olavistas e militares tentam impedir posse de Renato Feder

Por Alagoas Brasil Noticias

Em 4 de julho de 2020

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on email
Capturar

Foto: Reprodução RBNO presidente Jair Bolsonaro deu sinal verde para que Renato Feder assuma o Ministério da Educação. A nomeação, contudo, não foi sacramentada no Diário Oficial da União (DOU) porque o nome do secretário de Educação do Paraná tornou-se alvo de críticas dentro do próprio governo.

Bolsonaro está sendo pressionado por grupos ao seu redor para mudar de opinião. Feder não agradou a boa parte do Executivo, em especial, porque, há quatro anos, doou R$ 120 mil para que João Doria (PSDB) concorresse à Prefeitura de São Paulo — hoje governador de São Paulo, o tucano é um dos principais rivais do presidente.

Também pesou para a insatisfação dos integrantes do governo o fato de o professor já ter sido alvo de denúncias do Ministério Público: é acusado de sonegação fiscal por não ter recolhido R$ 22 milhões em ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) da empresa Multilaser, da qual é sócio.

Fonte: RBN

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter