Home Alagoas Maceió supera meta do Ideb pela segunda vez consecutiva

Maceió supera meta do Ideb pela segunda vez consecutiva

Por Alagoas Brasil Noticias
 

Secretária municipal de Educação destaca que resultado deixa a rede em uma condição diferenciada

FOTO: DIVULGAÇÃO/ASCOM

 

O resultado do Índice de Desenvolvimento de Educação Básica (Ideb/2019), divulgado na terça-feira (15) pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), mostrou que Maceió não só ultrapassou a meta estabelecida pelo Ideb, nos anos iniciais da grade escolar para 2019, como bateu a meta projetada para 2021 alcançando 5.4. A projeção estabelecida pelo Inep era 5.1. Nos anos finais da grade, Maceió superou pela primeira vez a média, atingindo 4.3, acima da projeção de 4.2.

Esta foi a segunda que Maceió superou a meta projetada. Em 2017, quando a projeção era de 4.8, o Município atingiu 5.0. A cada edição do Ideb, tem havido uma evolução em linhas ascendentes, tanto nos anos iniciais quanto nos anos finais da grade curricular.

Comparando os resultados atuais com os de 2017, observa-se que Maceió cresceu 0.4 pontos nos anos iniciais, saindo de 5.0 para 5.4. Em termos percentuais, esse valor representa um avanço 8% entre 2017 e 2019. Já nos anos finais, Maceió cresceu 0.5 pontos, evoluindo de 3.8, em 2017, para 4.3 em 2019, ultrapassando pela primeira vez a meta projetada de 4.2 e aproximando-se da projeção para 2021, que é de 4.5. A pontuação representa um aumento de 13% – o maior de todas as edições.

Esses dados colocam Alagoas entre os estados brasileiros que ultrapassaram as metas projetadas tanto para os anos iniciais quanto para os anos finais da grade escolar. Esse resultado foi possível graças ao crescimento de Maceió, que se tornou a quinta capital que mais cresceu no Ideb nos anos iniciais.

Na Rede Municipal de Ensino de Maceió, 14 escolas atingiram pontuações entre 6.0 e 6.9. Outras 49 unidades tiveram de 5.0 a 5.9 pontos e apenas 21 pontuaram entre 4.0 e 4.9 no Ideb. Isto demonstra a melhoria no aprendizado, fruto do trabalho de todos os profissionais de educação.

A Escola Municipal Monsenhor Antônio Assunção, na Serraria, obteve a maior nota da rede nos anos iniciais, pontuou 6.9, média abaixo apenas da maior nota do Ideb do país, que foi de Teresina (PI), com 7.4. Nos anos finais, a maior pontuação (5.1) foi a da Escola José Haroldo da Costa, no Salvador Lyra.

Pioneira na educação em tempo integral no Município, a Escola Nosso Lar, no Vergel do Lago, saltou de 3.3 em 2017 para 5.0 pontos, em 2019.

A secretária municipal de Educação, Ana Dayse Dorea, disse que o resultado do Ideb/2019 deixa a rede em uma condição diferenciada. “O resultado representa todo o empenho, compromisso de trabalho dos professores, dos coordenadores pedagógicos, dos diretores e vices, porque, por mais que se traçasse uma política de gestão pública é preciso que o coletivo entenda o que e necessário fazer”, afirmou.

“Desde o resultado do Ideb do ano de 2017, uma vez que essa avaliação é feita a cada dois anos, que Maceió colhe os frutos do empenho em mudar a curva do Ideb para uma trajetória ascendente. Isso se deu graças a muito investimento, principalmente na formação dos professores e gestores e muitas parcerias”, prosseguiu a secretária, acrescentando que ultrapassar a meta estabelecida pelo Inep pela segunda vez é motivo de satisfação.

Ensino Fundamental

A coordenadora do Ensino Fundamental, Maria José Alves, comentou o resultado do Ideb afirmando que os avanços refletem ações implementadas na Rede Municipal de Ensino, como o Programa Escola 10, o monitoramento intensificado às escolas, efetivação do Conselho de Classe, articulação com as famílias, preparação dos estudantes visando à aprendizagem/proficiência em língua portuguesa e matemática, aplicação de Simulado em Língua Portuguesa e Matemática, aplicação da Prova Alagoas, efetivação do Seminário Itinerante Escola 10. 

Prêmio Ideb

Criado em 2019 pela Prefeitura de Maceió, o Prêmio Ideb é um reconhecimento aos resultados das escolas na avaliação do ensino. A Lei Municipal Nº 6.928 estabelece que as escolas que atingirem no Índice de Desenvolvimento de Educação Básica (Ideb) resultados a partir de 5.0 pontos receberão um prêmio em dinheiro. Os valores definidos são: De 5 a 5,9 pontos, R$ 8 mil; entre 6 e 6,9, R$ 10 mil; de 7 a 7.9, R$ 15 mil, e acima de 8.0 (de uma pontuação máxima de 10.0), R$ 20 mil. Os prêmios em dinheiro constituem um incentivo para a melhoria dos indicadores educacionais e valorização do trabalho daqueles que fazem a escola.

Fonte: Gazeta Web 

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário