ganhar 2 mil por dia investimento trader opções binárias win trader investment wallpaper phone download do curso mercado trader em opções binárias forex trading books for beginners pdf gain academy opçoes binarias melhor corretora pltaforma opções binárias na bolsa de valores 2016 robo trade operar cada abertura como obter lucros com opções binárias curso trader opções binárias gratis robots de opções binárias trade the great investors lessons on investing from master trades fundos de investimento de day trade conceito investment trade operar trade em conjunto os melhores pa de moeda para investir em opçao binaria operando usando times and trades
Home Brasil Esperando insumos da China, governadores celebram envio de vacinas da Índia

Esperando insumos da China, governadores celebram envio de vacinas da Índia

Por Alagoas Brasil Noticias
Avião brasileiro deveria ter ido à Índia buscar vacinas de Oxford, mas negociação havia sido interrompidaImagem: Reprodução/Twitter | 23:53

Os governadores João Doria, de São Paulo, e João Azevêdo, da Paraíba, comemoraram hoje a liberação da importação de 2 milhões de doses de vacinas de Oxford e da Astrazeneca vindas da Índia. 

“Esse é mais um passo importante para garantir a continuidade do Plano Nacional de Imunização”, escreveu João Azevêdo em seu Twitter. Já Doria, além de comemorar, relembrou a necessidade de aquisição de insumos vindos da China para a produção de mais vacinas em território nacional.

“Precisamos de mais vacinas para imunizar os brasileiros. Aguardamos também a liberação de insumos da China para a fabricação das vacinas do Butantan e da Fiocruz. Todos na luta pela vida”, afirmou o paulista.

Pressão por importação de insumos

De acordo com o governador do Amapá, Waldez Góes, governadores de todo o país assinaram um ofício solicitando ao presidente Jair Bolsonaro “que mantenha o fornecimento externo de insumos necessários para a produção das vacinas contra a Covid-19 no país”. Waldez Góes, porém não especificou quais governadores assinaram o documento.

“O governo federal precisa buscar imediatamente uma solução para as questões referentes ao fornecimento de insumos para produção de vacinas. Do contrário, o Brasil pode pagar um preço muito alto.”, escreveu Waldez Góes, também no Twitter.

Hoje, a Embaixada da China afirmou que fará esforços máximos para garantir o envio de insumos para a vacina ao Brasil. A negociação para a compra de mais matéria-prima para a produção de imunizantes vem se arrastando há dias e contou até mesmo com a interferência do ex-presidente Michel Temer, a pedido do governo de São Paulo.

Bahia aguarda autorização da Sputinik V Outro governador que se manifestou no Twitter hoje sobre a questão das vacinas foi Rui Costa, da Bahia. Ele anunciou que o estado adquiriu mais quatro milhões de seringas, mas ressalvou que mais doses de vacinas são necessárias. “Continuamos confiantes na autorização do uso da Sputnik V após nossa ação no STF [Supremo Tribunal Federal]. Precisamos salvar vidas”, disse.

O governo da Bahia quer comprar diretamente o imunizante, sem o intermédio do governo federal, mas ele ainda não foi aprovado pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária). O governo baiano entrou com uma ação no Supremo para viabilizar a compra da vacina.

Ontem, o ministro Ricardo Lewandowski deu 72h para que a Anvisa informe sobre a análise do pedido de uso emergencial do imunizante, que foi desenvolvido pelo Instituto de Pesquisa Gamaleya, de Moscou, e é comercializado pelo Fundo Russo de Investimento Direto. A Sputinik V não teve testes de fase 3 no Brasil, e isso é uma das questões que podem atrapalhar sua aprovação.

Fonte: Uol 

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário