sign in forex trading gerenciamento de risco opções binárias opções binárias investimentos operar meta trader trading forex grande opções binárias com bollinger bandes como fazer investimento no a2 trader opções binárias olymp trade ao vivo tradeo como operar como investir com robo trader indicador de opcoes binarias plataformas para opcoes binarias trader btc investing ganhar com opções binarias what is margin in forex trading planilha de ganhos opções binarias swing trade como e quando operar filetype pdf
Home Brasil “Lamento muita gente passando necessidade”, diz Bolsonaro, ao negar auxílio emergencial: “Satisfeito aí?”

“Lamento muita gente passando necessidade”, diz Bolsonaro, ao negar auxílio emergencial: “Satisfeito aí?”

Por Alagoas Brasil Noticias
Jair Bolsonaro com Paulo Guedes (Foto: Marcos Correa/PR | ABr) | 10:48

 Jair Bolsonaro reafirmou nessa segunda-feira (25) que não haverá prorrogação do auxílio emergencial alegando que o endividamento do País está no limite. “A palavra é emergencial. O que é emergencial? Não é duradouro, não é vitalício, não é aposentadoria. Lamento muita gente passando necessidade, mas a nossa capacidade de endividamento está no limite”, disse ele a um apoiador. “Satisfeito aí?”, encerrando a conversa.

Durante a conversa, Bolsonaro disse que não conversaria sobre o assunto com seus apoiadores, mas apenas com o ministro da Economia, Paulo Guedes. Aliados de Bolsonaro no Congresso têm defendido uma discussão sobre a retomada do auxílio emergencial, que terminou em dezembro.

O fim do auxílio soma-se à dificuldade do governo em retomar a geração de empregos e o crescimento econômico. No terceiro trimestre do ano passado, a taxa de desemprego chegou a 14,6%, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). São mais de 14 milhões de desempregados.

Dados do Ministério da Cidadania atualizados até 18 de dezembro apontaram que 68,2 milhões de pessoas receberam o auxílio emergencial. Foram pagas nove parcelas para cada pessoa: cinco de R$ 600 e quatro de R$ 300, totalizando R$ 230,98 bilhões.

O fim do auxílio, o atraso da vacinação contra a Covid-19, os efeitos do congelamento de investimento público e o alto índice de desemprego formam um cenário de um País ainda sem rumo na maior pandemia global. 

Fonte: Brasil 247 

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário