day trade como montar uma operação e possivel investi em trade com 200 reais melhor operadora trade alíquota para opções binária wereza opções binárias opções binárias?trackid=sp-006 melhores opções binárias para aposta robot de opções binárias iq option call put break 3.0 blogspot opçoes binarias guia completo de como ter sucesso nas operações day trade opções binárias é facil rapido e lucrativo cash trader investimentos unick gdm opcoes binarias robos de investimentos para meta trader 5 forex trading network opções binárias o que significa investir opcoes binarias é confiavel
Home Ciência e Tecnologia Mapa permite que você veja como era ‘sua cidade’ há 600 milhões de anos

Mapa permite que você veja como era ‘sua cidade’ há 600 milhões de anos

Por Alagoas Brasil Noticias

*Reprodução

Se há 600 milhões de anos todos os continentes do planeta formavam uma massa única de terra, você já imaginou como era – ou onde era – o pedaço de terra onde hoje fica o Brasil antes dos continentes se separarem? E onde ficava sua cidade?

Se você já teve essa curiosidade, saiba que não está sozinho: de acordo com a BBC Brasil , um grupo de paleontólogos comunicados que essas perguntas eram comuns e decidiram criar um mapa, gratuito e online, que permite acompanhar o desenvolvimento do planeta ao longo de diversas eras geológicas.

A ferramenta interativa foi desenvolvida por Ian Webster, um engenheiro que é ex-funcionário do Google. Ele ecologia os mapas paleontológicos feitos pelo geólogo Christopher Scotese.

Tudo funciona de maneira bem simples:

 
 
 

Basta colocar o nome da cidade na barra de busca (veja na foto abaixo) – Rio de Janeiro, São Paulo, Salvador, tanto faz. Em seguida, uma barra de opções permite que você veja como era a Terra em diversos momentos do seu desenvolvimento geológico. 

É possível acompanhar a partir de 750 milhões de anos atrás até os dias de hoje. E, ao colocar o nome de sua cidade, você consegue ver o ponto onde ela se encontrava ao longo dessas enormes mudanças do planeta.Publicidade. 

Fonte: Hypeness.com.br

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário