Home ANADIA -AL . Prefeitura de Anadia determina fechamento de estabelecimentos comerciais e proíbe festas após caso de variante na cidade

Prefeitura de Anadia determina fechamento de estabelecimentos comerciais e proíbe festas após caso de variante na cidade

Por Alagoas Brasil Noticias

Por Tatianne Brandão – Foto: Assessoria – 16:49

Depois do caso confirmado da variante brasileira em moradores de duas cidades de Alagoas, dentre elas Anadia, o prefeito da cidade, Celino Rocha, determinou, através de decreto, nesta quinta-feira (18), o fechamento de estabelecimentos comerciais, igrejas e a proibição de eventos culturais pelo período de 15 dias.

Segundo a determinação, está suspenso em todo o município, o funcionamento de bares, restaurantes, lanchonetes, templos, igrejas e demais instituições religiosas; aulas presenciais da rede municipal de ensino, tanto pública quanto privada; eventos culturais públicos e privados, tais como aniversários, casamentos, entre outros, independentemente do número de presentes. Além disso, o funcionamento de academias, clubes e também os serviços prestados pela Secretaria Municipal de Educação através do transporte intermunicipal de estudantes, estão proibidos.

A secretária de saúde do município, Sônia Mascarenhas, explicou que a paciente relatou que não tem histórico de viagem nem contato com moradores do Amazonas ou qualquer outra Unidade da Federação. A mulher, de 64 anos, já cumpriu o período do isolamento social e está recuperada.

“Os sintomas tiveram início em 19 de janeiro apresentando tosse, coriza, mialgia e moleza. No dia 25, foi realizada a coleta para pesquisa de SARS-CoV-2 por RT-PCR, que confirmou a infecção. Seguimos realizando o monitoramento de todos os pacientes que testam positivo e daqueles que realizaram viagens ou tiveram contato com pessoas que estavam fora do estado”.

Variante

Pesquisadores da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) identificaram, nessa terça-feira (16), a variante brasileira do coronavírus em duas pacientes mulheres do estado de Alagoas, sendo uma de 36 anos e a outra de 64. Elas são de Viçosa e Anadia, respectivamente, mas apenas uma tem histórico de viagem para Amazonas, estado onde se originou a variante.

Fonte: ABN C/ Gazeta Web

Facebook Comments

você pode gostar

Deixe um Comentário