Anadia/AL

27 de outubro de 2021

Anadia/AL, 27 de outubro de 2021

Brasil registra 2.216 novas mortes por covid-19 em 24 horas

Por Alagoas Brasil Noticias

Em 12 de março de 2021

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on email
2021-03-11T233445Z_1_LYNXMPEH2A1WJ_RTROPTP_4_HEALTH-CORONAVIRUS-BRAZIL

Enterro de vítima da covid-19 no cemitério da Vila Formosa, em São Paulo / Foto: Reuters
Pelo terceiro dia seguido, o Brasil registrou mais de 2,2 mil mortes pelo novo coronavírus em 24 horas, segundo levantamento do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) divulgado nesta sexta-feira(12).

De acordo com o boletim, o país contabilizou mais 2.216 óbitos, elevando o número total de vítimas para 275.105. O estado de São Paulo, sozinho, é responsável por 521 mortes, maior índice desde o início da emergência sanitária. Além disso, a quantidade diária representa mais de uma pessoa que perdeu a vida a cada três minutos.

Já em relação aos contágios, o Brasil chegou a 11.363.380 casos acumulados, com o acréscimo de 85.663 diagnósticos positivos de covid-19 em um dia.

A taxa de letalidade do coronavírus Sars-CoV-2 se mantém em 2,4%, mas as médias móveis dos últimos sete dias seguem em alta tanto nos casos, que passa de 69.141 para 70.593, como nas mortes, que sai de 1.703 e vai a 1.762.

Nos óbitos, o segundo com maior quantidade é o Rio de Janeiro (34.210), que também tem a maior taxa de letalidade do país (5,7%), seguido por Minas Gerais (20.300) e Rio Grande do Sul (14.554).

O Brasil é considerado o epicentro da pandemia no mundo e apresenta os piores números diários provocados pela Covid-19, além de enfrentar um caos no sistema público de saúde.

Hoje, o Ministério da Saúde fechou um contrato para a compra de 10 milhões de doses da vacina Sputinik V, desenvolvida pelo instituto russo Gamaleya em parceria com a farmacêutica brasileira União Química. O imunizante, porém, ainda não recebeu autorização da Anvisa.

Fonte: Terra

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter