Anadia/AL

26 de outubro de 2021

Anadia/AL, 26 de outubro de 2021

Apoiador faz gesto dos supremacistas brancos e Bolsonaro diz: “sei que é um gesto bacana, mas não pega bem pra mim” (VÍDEO)

Por Alagoas Brasil Noticias

Em 26 de março de 2021

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on email
XX1
Fazendo gesto supremacista branco, apoiador tira foto com Jair Bolsonaro (Foto: Reprodução) | 11:28

Leia abaixo a matéria publicada no Brasil 247 sobre o gesto do assessor de Bolsonaro:

Assessor especial da Presidência da República, Filipe Martins foi flagrado nesta quarta-feira (24) durante sessão remota do Senado fazendo um gesto utilizado por supremacistas brancos nos Estados Unidos.

Enquanto o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG) falava, Martins apareceu ao fundo da imagem gesticulando.

O sinal feito por Martins, também entendido como “OK”, foi cooptado por supremacistas brancos, como neo-nazistas e membros do Ku Klux Klan, para uso em público, sinalizando sua presença. O gesto forma com as mãos as letras “W” e “P”, significando “white power”, “poder branco” em inglês.

O senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), que participava da sessão, entendeu o gesto como uma obscenidade e chegou a pedir que o assessor fosse retirado do local pela Polícia Legislativa. “Eu não sei qual o sentido do gesto do senhor Filipe. Mas é inaceitável, em uma sessão do Senado Federal, durante a fala do presidente do Senado, um senhor estar procedendo de gestos obscenos, ironizando o pronunciamento. Isso é inaceitável, é intolerável. Peço que conduza imediatamente este senhor para fora das dependências do Senado Federal”, disse ele.

O presidente do Senado pediu que o fato fosse apurado. “Eu pedirei à Secretaria-Geral da Mesa, igualmente à Polícia Legislativa, que identifiquem o fato apontado por Vossa Excelência, mas eu não prejudicarei o andamento desta sessão do Senado Federal, porque é muito importante nós ouvirmos o ministro das Relações Exteriores, que aqui comparece para poder fazer os esclarecimentos necessários aos senadores. Identificarei, Senador Randolfe a ocorrência do fato. E, tendo havido de fato, nas circunstâncias serão tomadas todas as providências, e enérgicas, por parte da Presidência do Senado”.

Fonte: Brasil 247 

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter