Anadia/AL

22 de outubro de 2021

Anadia/AL, 22 de outubro de 2021

Investimento na construção de novas escolas em Alagoas atinge a marca de R$ 70 milhões

Por Alagoas Brasil Noticias

Em 29 de março de 2021

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on email
XX1

 Governador Renan Filho assinou, nesta segunda (29), ordens de serviço para a construção de mais sete escolas de nível médio em diversos municípios alagoanos (Foto: Márcio Ferreira) | 16:00

 

A rede estadual de ensino vai ser ampliada com a construção de mais sete escolas de nível médio em diversos municípios alagoanos. Serão R$30 milhões investidos nessas unidades, cujas ordens de serviço foram assinadas nesta segunda-feira (29) pelo governador Renan Filho e o secretário de estado da Educação, Fábio Guedes, em solenidade no Palácio República dos Palmares.

As cidades contempladas são Rio Largo, Olho D’Água do Casado, Taquarana, Pilar, Roteiro, Maragogi e Limoeiro de Anadia. De acordo com a Secretaria de Estado da Educação (Seduc), as escolas terão com 12 salas de aula, auditório, biblioteca, salas de informática, de grêmio e professores; além de laboratórios, diretoria, coordenação, refeitório, cozinha, banheiros, quadra coberta e campo society.

“O investimento em educação sempre foi prioridade na nossa gestão, tanto que saímos do último lugar no Ideb para o 16º. 92% das cidades alagoanas bateram a meta do índice. E nosso objetivo é colocar Alagoas entre os dez melhores do Brasil no próximo Ideb. Por isso, estamos investindo em cidades que não possuíam escolas da rede. Isso obrigava os alunos a se deslocarem para outros municípios para estudar. Agora isso vai mudar e facilitar a vida dos estudantes, além de contribuir com o avanço da nossa educação”, garantiu o governador.

Essas sete unidades se unem à várias outras que já estão com obras em andamento e que completam o robusto investimento de R$70 milhões feito pelo Governo do Estado na construção de novas escolas. Atualmente, existem obras nos municípios de Delmiro Gouveia, Senador Rui Palmeira, Cacimbinhas, Junqueiro, Campo Alegre, Flexeiras, São Sebastião, Jequiá da Praia, Rio Largo, Pariconha e Coite do Nóia.

De acordo com o secretário Fábio Guedes, “entre obras em andamento, ordens de serviço e unidades praticamente concluídas, já são 46 escolas. Isso é muito significativo para a educação alagoana e, em breve, vamos anunciar um grande plano de investimentos em educação para os próximos dois anos”, adiantou.

O prazo para a conclusão dos serviços é de 330 dias, a partir da assinatura da ordem de serviço. Segundo o governador, as obras têm início imediato e devem gerar cerca de 500 empregos em Alagoas. “Em média, serão 60 empregos gerados em cada escola. E nós sempre recomendamos que as empresas contratem mão-de-obra local para contribuir com a economia de cada município”.

Educação no pós-pandemia

Durante a solenidade nesta segunda-feira (29), o governador anunciou que o Estado prepara um plano de educação para o pós-pandemia que vai representar o maior volume de investimentos feitos por uma gestão em Alagoas. Além disso o plano prevê a oferta de acesso à internet e diminuir a evasão escolar.

“Serão investidos R$2 bilhões na construção de 200 creches, escolas para os municípios que ainda não possuem, centros de educação integral, ginásios. O plano também vai focar no acesso à internet para alunos e professores e incentivo a informatização dos profissionais e estimulando a volta para a escola do jovem que evadiu, inclusive remunerando quem concluir os ciclos de ensino que ficaram para trás”, explicou Renan Filho.

A construção das creches faz parte das ações do Programa Criança Alagoana, que este ano lançou o Cartão CRIA, o maior programa de transferência de renda do estado, e que vai beneficiar 180 mil famílias em situação de pobreza e extrema pobreza.

Fonte: Tribuna Hoje 

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter