Home NotíciasPolicia Policiais Militares lotados no 3º BPM de Arapiraca são aprovados no curso de medicina da UFAL

Policiais Militares lotados no 3º BPM de Arapiraca são aprovados no curso de medicina da UFAL

Por Alagoas Brasil Noticias
Foto: Agência Alagoas – 21:52

Persistência, coragem e busca pelo conhecimento. A fórmula pode não ser simples, mas os resultados vêm para quem escolhe driblar os obstáculos e encontra nos estudos o caminho para o sucesso. Foi o que aconteceu com o cabo Eraldo de Oliveira Santos, e a soldado Brunna Maria Santos Lima pertencentes ao 3º Batalhão de Polícia Militar (BPM). O esforço de ambos foi recompensado com a aprovação para ingresso no curso de medicina da Universidade Federal de Alagoas (UFAL).
As horas de folga do serviço e o contexto da pandemia serviram de estímulo. Eles retomaram a rotina de estudos e fizeram as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020. O cabo Eraldo, que tem 30 anos de idade e quase oito de Corporação, conseguiu uma excelente nota. Os 871 pontos foram o suficiente para alcançar o que muitos almejam que é cursar medicina em uma instituição pública e, neste caso, foi além: a conquista da 4º colocação em uma das vagas para ampla concorrência.

Integrante da turma de 2013 do Curso de Formação de Praças (CFP) e desde então lotado no 3º BPM, o policial havia parado de estudar e vinha se dedicando integralmente ao trabalho. Foi durante o isolamento ocasionado pela pandemia da Covid-19 que Eraldo decidiu retomar os estudos. Com a intensificação do aprendizado e a proximidade do Exame Nacional do Ensino Médio, ele ajustou a rotina de estudos com a escala de trabalho e conseguiu conciliar ambos.

“A disciplina e a força de vontade, seja para entrar na polícia ou em um curso superior, são essenciais para vencer os desafios. Qualquer pessoa que almeja algo melhor na vida, precisa ter em mente que as dificuldades virão. É preciso ter consciência dos desafios, e estabelecer metas, pois diante das dificuldades essa postura faz toda a diferença”, avalia o militar.

Fonte: ABN – Alagoas Brasil Noticias


Facebook Comments

você pode gostar