Após conquistar o título do Campeonato Paulista de 2021, o treinador Hernán Crespo falou sobre os bastidores e os detalhes da conquista, além de como se deu esse início de trabalho à frente do clube. O treinador falou sobre os envolvidos na campanha campeã e a importância do clube e da torcida.

Durante a entrevista coletiva após a partida, o treinador foi perguntando sobre as primeiras 21 partidas em que esteve no comando do Tricolor e sobre um resumo desse início vitorioso do trabalho. 
– Quero parabenizar os atletas. Eu penso que, seguramente, não estamos sozinhos. Somos um time muito grande, somos uma equipe de 20 milhões de pessoas. Não é só a comissão técnica e os dirigentes, não é só os atletas, é tudo muito maior – comentou o treinador.

Na sequência, o argentino falou sobre a importância da diretoria são-paulina na conquista e a relação com a comissão técnica. O treinador fez questão de dar os créditos para todos os envolvidos no título.

Em sua resposta, Crespo rasgou elogios ao ex-treinador e atual coordenador de futebol Muricy Ramalho.

– Quando a comissão técnica chegou, sabíamos perfeitamente todas as dificuldades que atravessava o São Paulo, mas com muito trabalho da diretoria, com o presidente Julio Casares, Chapecó, Nelson, Rui Costa, com o grande, grande, grandíssimo Muricy Ramalho, que eu quero agradecer publicamente, uma pessoa de uma humildade, de uma seriedade impressionante, Belmonte, não quero esquecer de ninguém, mas todos, dos roupeiros aos nutricionistas, doutores, fisios, psicóloga, todos. Muita gente, muita gente que trabalha e sonha em ver o São Paulo campeão – contou Crespo.

O treinador ainda falou sobre o fato de que muitos não vejam todos os profissionais que constroem os bastidores do clube, mas fez questão de falar destes e exaltá-los. 

– Talvez a minha cara seja a expressão visível de tudo isso, mas por trás há um monstro, uma máquina grande, muito grande, que está contente, que está feliz, que puxa para essa vitória – concluiu.

Fonte: Lance Net