Anadia/AL

30 de julho de 2021

Anadia/AL, 30 de julho de 2021

Fãs de Juliette doam mil máscaras para o Acre e a campeã do BBB21 agradece no Twitter: ‘Muito orgulho’

Por GyanCarlo

Em 8 de julho de 2021

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on email
vvvv

Os “Cactos”, como são conhecidos os fãs da paraibana Juliette Freire, mostraram que além de se juntar para fazer da advogada a campeã do BBB21, também podem fazer boas ações pelo país. E o Acre foi um dos estados contemplados com mil máscaras de proteção individual.

Logo que ficou sabendo da ação, a ex-BBB fez questão de agradecer e repostou a publicação em seu perfil do Twitter com um agradecimento pelo engajamento social dos fãs. “Eu tenho muito orgulho de vocês”, disse a campeã do reality.

A doação, que chegou ao Acre nessa quarta-feira (7), foi revelada pelo advogado e morador de Rio Branco, Gabriel Santos. Ele, que também é líder da Rede de Ação Política pela Sustentabilidade (RAPS), foi quem ficou responsável por fazer a distribuição do material no estado.

As entidades beneficiadas no Acre, com 200 máscaras cada uma, são o Sindicato das Domésticas do Acre, Sindicato dos enfermeiros do Acre, Associação Olhar Diferente, União Solidária e Grupo Social pela Vida.

“Eles entraram em contato comigo pelo Twitter falando que estavam com essa campanha, que o Acre seria beneficiado e perguntando se eu poderia fazer logística de entrega no estado. Eu topei, já tinha algumas ONGs em mente para fazer a doação e nessa quarta [7] chegou a doação. É muito bacana que existem pessoas engajadas, que estão preocupadas com uma região tão esquecida como o Norte. E ver que a Juliette motiva isso nos fãs dela, de fazer o bem e também de ter repostado uma postagem de um acreano, ela que é a maior influenciadora do Brasil, a gente fica muito contente”, afirmou Santos.

Campanha

Uma das integrantes do fã clube Cactos é a estudante Scarllet Victoria Andrade, de 25 anos. Ela é de Salvador (BA) e foi uma das que iniciaram a campanha para arrecadar dinheiro e, assim, comprar máscaras de proteção para serem doadas.

Ao G1, ela contou que a mobilização começou no mês de maio e o fã clube conseguiu arrecadar mais de R$ 7 mil. Com esse valor, foram compradas 4,5 mil máscaras PFF2 que foram distribuídas para o Acre e também outros cinco estados.

Segundo Scarllet, além do Acre, Manaus recebeu mil máscaras, Recife e Paraíba receberam 500 máscaras cada um, Salvador recebeu mil e para o Rio de Janeiros foram enviadas 500 máscaras.

“A campanha começou bem pequena no Twitter, depois deslanchou e começamos a fazer os mutirões de R$ 1, que era ‘Cactos de um em um’. E fomos conseguindo doações de Cactos de Portugal, Itália, enfim, além de fãs do Brasil, mobilizamos pessoas de outros países. Os Cactos sofreram muito durante os quatro meses, taxados de torcida tóxica. Então, é muito importante agora essa visibilidade pra gente mostrar que não somos isso. Cactos fazem muitas coisas boas”, afirmou a fã.

Fonte: G1 

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter