Anadia/AL

8 de dezembro de 2021

RÁDIO ABN NEWS

Anadia/AL, 8 de dezembro de 2021

Promotoras deixam força-tarefa que investiga morte de Marielle Franco e Anderson Gomes

Por Alagoas Brasil Noticias

Em 10 de julho de 2021

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on email
cats 41

📷 (Foto: Divulgação). 21:23
As promotoras Simone Sibílio e Leticia Emile anunciaram que deixaram a Força-Tarefa do Caso Marielle Franco e Anderson Gomes. O Ministério Público do Rio de Janeiro confirmou a saída em nota. De acordo com informações do jornal O Globo, as duas entregaram os cargos devido ao risco de interferências externas comprometerem as investigações.

Desde setembro de 2018, as promotoras estavam à frente do inquérito sobre os assassinatos. O crime ocorreu em 14 de março daquele ano.  Há cerca de um mês, a Polícia Civil do Rio apresentou ao procurador-geral de Justiça a viúva do ex-capitão do Bope Adriano da Nóbrega, Júlia Lotufo, para fazer uma delação premiada em troca de benefícios como a revogação da prisão.  Ao assinar o termo de colaboração, que ainda não foi homologado, Júlia estaria disposta a denunciar o submundo do crime organizado, principalmente envolvendo a contravenção, a qual Adriano pertencia. 

A viúva de Adriano também teria pistas sobre os mandantes do Caso Marielle, razão pela qual teria sido apresentada às promotoras da força-tarefa pela delegada da Coordenadoria de Investigação de Agentes com Foto (Ciaf) da Polícia Civil, Ana Paula Costa Marques. Porém,o processo foi  redirecionado ao promotor que atua na 1ª Vara Especializada Criminal, onde a viúva do ex-capitão responde por associação criminosa e lavagem de dinheiro, com a coordenação da delegada Ana Paula.

Atualmente, as promotoras estavam trabalhando no caso para chegar ao mandante do crime.

Fonte: Brasil 247



Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter