Anadia/AL

28 de setembro de 2021

Anadia/AL, 28 de setembro de 2021

Empresários acenam incômodo com reforma ministerial

Por GyanCarlo

Em 23 de julho de 2021

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on email
vvv

Esplanada dos Ministérios (Foto: Agência Brasil)

De acordo com um representante empresarial, a categoria vê a reforma ministerial como um sinal de que Jair Bolsonaro está sendo engolido pelo centrão e Paulo Guedes vai perdendo força

Parte do empresariado não achou boa a reforma ministerial prevista para acontecer no governo, que cede poder ao centrão e desmembra a pasta de Paulo Guedes. De acordo com um representante empresarial, a categoria vê as medidas como um sinal de que Jair Bolsonaro está sendo engolido pelo centrão e o ministro da Economia vai perdendo força. O relato foi publicado pela coluna Painel.

O presidente da Associação de Comércio Exterior (AEB), José Augusto de Castro, disse que a mudança é mais uma preocupação que se soma à pandemia, à retomada e às reformas tributária e administrativa. “Economicamente não é favorável”, disse.

Uma das principais medidas da reforma ministerial é o desmembramento do Ministério da Economia – a ideia é recriar a pasta da Previdência e Trabalho.

O governo também pretende indicar o senador Ciro Nogueira (PP-PI), líder do centrão, para o ministério da Casa Civil.

Fonte: Brasil 247

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter