Anadia/AL

25 de setembro de 2021

Anadia/AL, 25 de setembro de 2021

Vigilância Sanitária apreende quase uma tonelada de alimentos estragados na parte alta de Maceió

Por Alagoas Brasil Noticias

Em 30 de julho de 2021

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on email
rs=w_800,h_500,i_true,cg_true,ft_cover

Foto; Reprodução

Entre os produtos encontrados de forma imprópria para o consumo estavam carnes bovinas, frangos, linguiça caseira e queijo clandestino.

A Vigilância Sanitária de Maceió apreendeu, nesta sexta-feira (30), em mais uma operação de fiscalização na cidade, 900kg de produtos perecíveis estragados, em dois frigoríficos localizados na parte alta da capital. Entre os produtos encontrados de forma imprópria para o consumo estavam carnes bovinas, frangos, linguiça caseira e queijo clandestino.
De acordo com o coordenador da Vigilância Sanitária, Airton Santos, os dois estabelecimentos foram notificados. “Fizemos o recolhimento desses produtos, os dois empreendimentos foram notificados e orientamos aos comerciantes a terem um olhar vigilante sobre o que fornecem à população, pois afeta diretamente a saúde de todos”, afirma.

Ainda conforme as informações, além de serem notificados e orientados a regularizar a situação, os frigoríficos levarão uma multa que pode variar de R$ 180 a R$ 19 mil. Após o recolhimento, os produtos serão descartados no aterro sanitário.

Atuação da Vigilância Sanitária

Na última quarta-feira (28), a Vigilância Sanitária de Maceió recebeu o procurador-geral de Justiça, Márcio Roberto Tenório de Albuquerque, do Ministério Público do Estado de Alagoas. O encontro teve o objetivo de fortalecer a parceria entre os órgãos e intensificar as ações de fiscalização em Maceió.

Durante a visita, Airton Santos apresentou o novo perfil da Vigilância Sanitária, no qual fez uma exposição das diversas operações de fiscalização que o órgão vem realizando de forma intensa nos últimos meses, em estabelecimentos da capital maceioense.

Fonte: Cada Minuto

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter