Anadia/AL

16 de outubro de 2021

Anadia/AL, 16 de outubro de 2021

Criticada pelo cabelo curto, arqueira da Coreia do Sul leva 3 medalhas de ouro nas Olimpíadas de Tóquio

Por Alagoas Brasil Noticias

Em 31 de julho de 2021

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on email
2021-07-30t060902z-2015047902-sp1.2e16d0ba.fill-1120x650

Clodagh Kilcoyne/Reuters

A sul-coreana conquistou três títulos para o país nestes Jogos Olímpicos e fez história. Mesmo assim, recebeu ofensas machistas e misóginas pelas redes sociais por causa do corte de cabelo

A atleta An San, do tiro com arco da Coreia do Sul, conquistou na sexta-feira (30) a terceira medalha de ouro nestes Jogos Olímpicos de Tóquio. Mesmo tão vitoriosa, a arqueira de 20 anos teve de lidar com comentários machistas sobre seu cabelo curto durante e depois das competições.
O motivo para isso é que o uso de cabelos curtos por mulheres na Coreia do Sul ficou associado a movimentos feministas para grupos preconceituosos na internet.

Aí, nas redes sociais, algumas pessoas atacaram An San com ofensas misóginas e até pediram que ela devolvesse as medalhas conquistadas. Houve também quem fizesse declarações machistas a respeito de An estar em uma universidade.

An não respondeu aos comentários. Após deixar a última final, preferiu falar sobre seu desempenho — o melhor de uma atleta individual sul-coreana na história da participação do país nos Jogos Olímpicos.

Um exemplo da calma de An Sam era a frequência cardíaca relativamente baixa, em torno de 100 batimentos por minutos, mesmo no momento mais tenso da disputa. Para se ter uma ideia, a atleta russa que disputou o ouro com ela tinha frequência cardíaca em 160 bpm.

“Tentei me acalmar e disse a mim mesma: ‘Não se acanhe e apenas atire'”, contou, após a terceira vitória em Tóquio.

Fonte: G1

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter