Anadia/AL

20 de setembro de 2021

Anadia/AL, 20 de setembro de 2021

Delmiro Gouveia avança com turismo no Sertão

Por GyanCarlo

Em 7 de agosto de 2021

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on email
vvv

Mirante do Talhado e as belas formações rochosas que chamam a atenção dos visitantes do Velho Chico (Foto: Prefeitura de Delmiro Gouveia)

Município possui pontos turísticos e monumentos naturais de tirar o fôlego

Certamente, à distância, de menos de 300 km não é um problema para quem deseja conhecer um dos municípios mais interessantes do ponto de vista turístico da região do sertão e do Alto São Francisco, em Alagoas. Delmiro Gouveia conta com tantas atrações que um dia ou um final de semana pode ser insuficiente para desfrutar de todas essas riquezas naturais. E desde 2017, quando o município foi inserido no Mapa do Turismo Brasileiro, iniciativa do MTur, não foi nenhuma surpresa para moradores e turistas. Afinal o município possui pontos turísticos e monumentos naturais de tirar o fôlego.

Ocupando o primeiro posto, um lugar que todos querem conhecer. Local favorito dos turistas, os Cânions do São Francisco, também conhecido como Cânion do Xingó, é um passeio feito de catamarã, que conta com trilhas e mergulhos nas piscinas naturais.

Nos atrativos naturais, em seguida vem a Furna do Morcego, que está inserida no canyon, próxima à Cachoeira de Paulo Afonso, é um dos locais mais imponentes da região. Sua área interna é de aproximadamente 20 metros de largura por 40 metros de altura e 100 metros de extensão. Próximo ao local encontram-se as ruínas da segunda usina que seria construída por Delmiro Gouveia, a Usina de Angiquinho, a Ponte Metálica, a saída de água das usinas e o Teleférico.

Já a Trilha do Riacho do Talhado, tem seu início na Ponte do Riacho do Talhado, no leito do riacho, na estrada AL-220. Durante todo o percurso observa-se a vegetação de caatinga aberta. A ponte construída em 1879, por ordem de Dom Pedro II, possui uma estrutura de ferro e paredes de pedras que ainda resistem à ação do tempo. O cenário da trilha oferece a possibilidade de bela contemplação, com a água correndo suavemente, a vegetação de caatinga e os cantos dos diversos pássaros da região.

Já a Praia Marina do Talhado, com 150 metros de extensão, é propícia para o banho, num trecho tranquilo do rio São Francisco. A ancoragem é feita de forma natural. Não possui infraestrutura para o turismo apesar de projetos que vão contemplar restaurantes, toboáguas, marina para pequenas embarcações, aluguel de caiaque e pedalinhos.

Saindo das atrações da natureza, existe o Museu Regional de Delmiro Gouveia, que para os amantes de história, é um local imperdível. O museu, que está localizado onde antes era a estação ferroviária, possui um acervo com as antigas peças da estação e conta a história da cidade e do personagem Delmiro Gouveia. Além disso, tem o Complexo do Angiquinho, que é um passeio histórico, cultural, paisagístico e arquitetônico.

Fonte: Tribuna Hoje

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter