Anadia/AL

19 de setembro de 2021

Anadia/AL, 19 de setembro de 2021

PSDB avalia punir “no bolso” deputados que votaram a favor do voto impresso

Por GyanCarlo

Em 11 de agosto de 2021

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on email
vvvb

(Foto: Pedro França/Agência Senado)

A punição avaliada por integrantes da cúpula do partido, presidida por Bruno Araújo, seria aplicada no financiamento de campanha eleitoral, quando deputados que seguiram a orientação partidária receberiam mais recursos do que os dissidentes

A intenção é fazer doer “no bolso” dos deputados que traíram a orientação partidária. A punição seria realizada no momento do financiamento de campanha eleitoral, quando os deputados que seguiram o partido receberiam mais recursos.

A punição, no entanto, não deve atingir Aécio Neves. A sigla quer interpretar a abstenção do ex-candidato a presidente como um “não” à proposta..

PSD, PSDB, DEM e MDB foram os partidos com mais traições no plenário. Embora as orientações das legendas tenham sido contrárias à PEC, as bancadas deram mais votos ‘sim’.

Doria considera apoio “deplorável”

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), criticou duramente os 14 deputados do PSDB que contrariaram a orientação do partido e votaram a favor da PEC do voto impresso.

Segundo o governador, a urna eletrônica “é inviolável e não há razão para mudar o sistema atual”. Ele lembrou que toda a bancada do PSDB de São Paulo votou contra o voto impresso.

De acordo com o jornalista Reinaldo Azevedo, é possível que o placar da votação entre tucanos seja consequência de um possível braço de ferro entre Aécio Neves e João Doria.

“Se uma tentativa interna de resposta a Doria é dizer ‘sim’ ao voto impresso ou se ausentar do embate no dia em que tanques desfilaram em Brasília, não estamos falando apenas de políticos que perderam o eixo: perderam também o sentido de história. Há gente pronta aí para integrar a base bolsonarista num eventual segundo mandato”, criticou Reinaldo, em referência a Aécio.

Fonte: Brasil 247

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter