Anadia/AL

19 de setembro de 2021

Anadia/AL, 19 de setembro de 2021

Bebê e 80 trabalhadores são resgatados em condições análogas à escravidão em garimpo ilegal no Pará

Por GyanCarlo

Em 19 de agosto de 2021

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on email
vv

(Foto: Divulgação/MPT-PA)

A operação do MPT foi realizada em Ourilândia do Norte (PA)

80 trabalhadores em Ourilândia do Norte (PA) foram resgatados em condições análogas à escravidão por uma operação do Ministério Público do Trabalho (MPT). A ação aconteceu entre 22 de julho e 7 de agosto em garimpos ilegais no sudeste do Pará, e verificou a presença de bebês em situação insalubre.

Os trabalhadores não informaram os nomes dos proprietários dos garimpos. Eles eram mantidos em alojamentos improvisados, sem acesso à água potável, banheiro ou alimentação adequada. Eram submetidos a jornadas de trabalho desgastantes, sem qualquer proteção física ou contrato trabalhista.

De acordo com o MPT, uma criança de um ano e sete meses, além de três adolescentes, filhos de uma cozinheira, foram resgatados..

“Por se tratar de garimpos ilegais, tivemos dificuldade de identificar os empregadores, mas as investigações seguem junto à Delegacia da Polícia Federal de Redenção”, informou a procuradora Edelamare Melo.

A maioria dos trabalhadores é do Maranhão e de cidades da região. Eles receberão apoio para retornarem aos seus locais de origem.

Além do MPT, a operação contou com apoio do Ministério Público Federal (MPF) e da Polícia Federal (PF). (Com informações do UOL).

Fonte: Brasil 247

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter