De acordo com as apurações, os bandidos abordaram pedestres na regição e fizeram os munícipes de reféns. Estes foram colocados nos carros para que um ‘escudo humano’ fosse realizado. Para que a presença da polícia fosse monitorada, os criminosos utilizaram drones espalhados pelas entradas da cidade.

O prefeito da cidade, Dilador Borges, descreveu a sensação desta útlima madrugada como “um horror. Moro a poucas quadras do Centro. Ouvi todos os tiros, acompanhando através de vídeos, não saí de casa e peço à população que fique em casa. Quando iniciou tudo isso, sentimos o drama que seria nossa noite, entrei em contato com o governador João Dória, que através do secretário de segurança disse que viria reforço de Rio Preto, Bauru e Prudente”.

Artefatos explosivos foram espalhados pela cidade e podem ser acionados via calor humano ou por movimento. Segundo a Santa Casa de Araçatuba, um adulto foi baleado e um adolescente foi vítima dos estilhaços de um explosivo. O local atendeu as duas pessoas feridas durante o assalto.

A recomendação da Polícia Militar é de que a população não saia de casa até que a situação esteja sob controle. As aulas na cidade estão suspensas nesta segunda-feira.

Fonte: IG