Anadia/AL

24 de setembro de 2021

Anadia/AL, 24 de setembro de 2021

Alessandro Vieira pede que CPI chame ex de Bolsonaro, Ana Cristina Valle, para depor

Por GyanCarlo

Em 10 de setembro de 2021

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on email
vv

(Foto: Roque de Sá/Agência Senado | Reprodução)

Ex-mulher de Bolsonaro, que comandava o esquema das rachadinhas nos gabinetes dos filhos, aparece em conversas com o suposto lobista da Precisa, Marconny Faria. Segundo a CPI, Ana Cristina chegou a interceder pela nomeação de aliados dele e está na mira do MP do Rio

O senador Alessandro Vieira (Cidadania-SE) pediu para que a CPI da Covid chame para depor a advogada Ana Cristina Valle, ex-mulher de Jair Bolsonaro. Ela comandava o esquema de rachadinha nos gabinetes de Carlos e Flávio Bolsonaro antes de Fabrício Queiroz assumir a função.

Ana Cristina aparece em conversas com o suposto lobista da Precisa Marconny Faria, que faltou duas vezes à CPI, apesar de convocado, nesta semana. Ainda segundo a CPI, Ana Cristina chegou a interceder pela nomeação de aliados do lobista, além de estar na mira do Ministério Público do Rio de Janeiro.

“Considerando a existência de diálogos que apontam, em tese, para a atuação da senhora Ana Cristina Siqueira Valle, ex-esposa do presidente Bolsonaro, na intermediação de interesses de lobistas diante de autoridades públicas, apresentei à CPI o requerimento para sua convocação”, justificou o senador no Twitter.

Nesta quinta-feira (3), reportagem de Guilherme Amado, do Metrópoles, trouxe entrevista com Marcelo Luiz Nogueira dos Santos, ex-funcionário da família Bolsonaro, que revelou detalhes sobre o esquema da rachadinha. Ele próprio devolvia 80% de seu salário à patroa, Ana Cristina, e era obrigado a morar com ela em sua mansão.

PUBLICIDADE

Fonte: Brasil 247

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter