Anadia/AL

20 de setembro de 2021

Anadia/AL, 20 de setembro de 2021

“O caso da fakeada precisa ser reaberto a partir de uma perícia médica em Jair Bolsonaro”, diz Joaquim de Carvalho

Por GyanCarlo

Em 12 de setembro de 2021

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on email
vv

Reprodução

Afirmação do repórter investigativo está ligada às revelações feitas pelo documentário "Bolsonaro e Adélio - uma facada no coração do Brasil", lançado pela TV 247

O repórter investigativo Joaquim de Carvalho defendeu, durante participação no Bom dia 247 deste domingo (12) que a investigação sobre a “fakeada” que levou Jair Bolsonaro à vitória na eleição presidencial de 2018. “Sei que muitos investigadores gostariam que isso fosse reaberto para começar uma investigação a partir de uma perícia médica no Jair Bolsonaro. Eles sabem e até antecipam que sabem que ninguém pode produzir provas contra si. Mas tem um detalhe que chama muito a atenção destas pessoas, que é a mudança de posição da cicatriz”, afirmou.

A afirmação foi feita após a repercussão do lançamento do documentário  “Bolsonaro e Adélio – uma facada no coração do Brasil”, produzido pelo jornalista, pelo cineasta Max Alvim e pelo cinegrafista Eric Monteiro, com produção da TV 247 e financiamento coletivo de seus assinantes e apoiadores. O filme, com uma hora e 44 minutos de duração, revela os furos da versão oficial sobre o episódio ocorrido em Juiz de Fora (MG) durante a campanha eleitoral.

O documentário foi lançado no Youtube na noite do sábado (11) e ao final da manhã deste domingo já contabilizava mais de 134 mil visualizações.

Fonte: Brasil 247
Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter