Anadia/AL

24 de outubro de 2021

Anadia/AL, 24 de outubro de 2021

Brasileira nocauteada por CR7 tretou com o português há 5 anos: ‘Até ontem, não gostava dele’

Por GyanCarlo

Em 16 de setembro de 2021

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on email
vv

Reprodução

Praticamente unanimidade no mundo da bola, Cristiano Ronaldo acumula milhões de fãs ao redor do planeta. Até os “haters” do jogador acabam idolatrando o craque português. É o caso da brasileira Marisa Nobile. A mulher recebeu uma bolada de CR7 durante o aquecimento para a partida entre Young Boys e Manchester United pela Liga dos Campeões. Mas, para sua surpresa, Cristiano se redimiu.

A história deles, porém, começou muito antes. Em 2014, quando o craque ainda atuava pelo Real Madrid, Marisa Nobile trabalha novamente como uma das stewards, funcionários que atuam na segurança de estádios.

Após o duelo contra o Basel, válido pela fase de grupos da Champions League, a brasileira ficou irritada com a insistência de Cristiano Ronaldo em manter o condicionamento físico dentro de campo. Em entrevista ao ‘ge’, Marisa Nobile contou toda a história.

– Eu acabei xingando ele. Não sabia quem era ele direito. Falei: “Já terminou o jogo, você fica correndo aqui no campo e o pessoal não vai embora”. Ele continuou, e eu já estava muito cansada. Ele mandou eu falar com o técnico. Eu voltei: “E aí, vai terminar, ou não? Aqui é Suíça, querido” – lembrou Marisa.

– Ele mandou eu ir para aquele lugar. Eu falei: “Que cara grosso.” Até ontem (terça), eu não gostava do Cristiano Ronaldo. Mas vi que ele é totalmente outra pessoa – contou a brasileira.

Ontem, Marisa já havia dado uma de profeta e, antes do jogo, publicou nas redes sociais que gostaria de fazer as pazes com Cristiano, e tirar uma foto com o camisa 7 do Manchester United. Determinada, se posicionou atrás do gol onde o elenco inglês aquecia no Stade de Suisse, em Berna. A escolha deu certo, mas de uma maneira que não estava nos planos.

– Eu até olhei para o Ronaldo, não sei se ele me reconheceu. Não foi vingança, não! Não vá pensar que foi vingança – brincou.

Em seguida, a bolada de um dos melhores finalizadores da história do futebol. Segundo a filha de Marisa, que também trabalhou na organização do jogo, a mãe permaneceu desacordada por cerca de 30 segundos. Quando acordou, a surpresa.

– Ele estava segurando a minha mão, fazendo carinho no meu rosto, perguntando: “Você está bem, você está bem?” – disse ao ‘ge’.

– “Se você é mesmo é mesmo minha fã, eu vou te dar minha camiseta, autografar e te dar depois do jogo”, ele disse. Eu falei: “Suada?” Ele falou: “Suada!” – relatou Marisa Nobile.

Apesar da derrota nos acréscimos – Cristiano Ronaldo havia sido substituído – o craque lembrou da brasileira e foi atrás dela. A camisa chegou até a brasileira, que mudou da opinião construída seis anos antes.

– Agora eu sou a Ronaldete número 1! – brincou.

Fonte: Yahoo

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter