Além dos locais paradisíacos, as cidades da Bahia também oferecem resíduos históricos muito importantes e legais de conhecer, que se misturam com a atualidade de forma harmoniosa e encantadora, com paisagens de tirar o fôlego. Para quem não se lembra, os portugueses chegaram justamente em uma praia de Porto Seguro, ao sul do estado, onde deram início ao atual formato da sociedade brasileira.

A política do Recôncavo Baiano, por exemplo, teve forte importância histórica no final do período imperial, no século 19. A região também é considerada como o berço do samba de roda, tendo sido o lugar onde, por volta de 1860, teriam surgido as primeiras manifestações do gênero musical.

1. Salvador

Salvador, Bahia
Reprodução

Salvador, Bahia

Capital do estado, Salvador é símbolo de alegria, descontração e, é claro, muita praia. Caminhar pelas cidades conservadas é como voltar no tempo, sem falar na visita obrigatória ao Farol da Barra e a Praia da Barra, além da Igreja do Bonfim. Uma boa pedida é encerrar o dia assistindo ao pôr-do-sol à beira-mar depois de testemunhar as cores e a história que Salvador conserva pelas ruas.

Um dos principais pontos turísticos da capital é o famoso Pelourinho, que atrai turistas do mundo todo que estão interessados em conhecer as igrejas históricas e as praias. O interesse pela cidade se dá pela beleza do conjunto arquitetônico e da cultura local (música, culinária e religião). Perto dali fica o Elevador Lacerda, que transporta a população da cidade alta para a baixa, e que virou um cartão postal.

Na cidade baixa, também é possível conhecer o Mercado, conhecido pelo comércio de artesanato locais e que tem mais de 100 anos. O prédio era da antiga Alfândega de Salvador.

Em fevereiro, o município é palco de um dos maiores carnavais de rua do mundo, e que levam milhões de pessoas atrás dos blocos que circulam da Barra à Ondina e no Circuito Campo Grande e Osmar.

2. Ilhéus

Ilhéus é muito procurada pelos surfistas brasileiros
Reprodução

Ilhéus é muito procurada pelos surfistas brasileiros

Ela é considerada a princesa da Bahia, com 85 km de praia e festas populares que preservam a história e a cultura do estado pelas ruas. Muitos dos personagens do escritor Jorge Amado foram inspirados em Ilhéus, e além das praias há uma das maiores florestas urbanas do país e belíssimas igrejas para conhecer. A cidade é reduto dos surfistas brasileiros, já que por lá há ondas maravilhosas para a prática do esporte.

As melhores praias do município baiano estão no litoral sul, mais conhecida como Costa do Cacau, onde é possível encontrar uma ótima infraestrutura, com bares, quiosques e boas hospedagens. O visual das praias é paradisíaco e não perde em nada para as concorrentes mais bonitas do mundo, como a Praia dos Milionários.

Para quem prefere um roteiro mais tranquilo, passear de barco pelos rios de Ilhéus pode ser uma ótima opção. Vale chegar à Lagoa Encantada e conhecer um pouco mais da Mata Atlântica presente ali.

3. Arraial D’Ajuda

Arraial D'Ajuda
Reprodução

Arraial D’Ajuda

Com praias que lembram o Caribe, Arraial D’Ajuda era uma antiga vila de pescadores e hoje possui uma infraestrutura turística bem grande. Apesar disso, as praias selvagens continuam conservadas, como Taípe (mais afastada de todas e de difícil acesso) e Açaípe.

Vale a pena conhecer também o Eco Parque, um parque aquático integrado à Mata Atlântica e a Praça São Brás, onde acontece a Feira Hippie, com polos de restaurantes e lojas variadas. Das praias, a Praia do Mucugê é a mais badalada e próxima do centro da vila. Por isso, ela concentra a maior quantidade de turistas. Como oferece um número grande de barracas de bebidas e alimentos, é uma das praias mais procuradas por famílias.

Arraial d’Ajuda também é história! No centro da vila é possível conhecer o primeiro templo religioso do Brasil. A Igreja de Nossa Senhora d’Ajuda foi construída no século 16 e até hoje é aberta à visitação. Além de conhecer a construção, o visitante terá uma vista privilegiada do mar e de Porto Seguro.

4. Porto Seguro

Porto Seguro abriga a famosa Passarela do Álcool
Pexels

Porto Seguro abriga a famosa Passarela do Álcool

Porto Seguro é considerada como uma das cidades mais históricas do Brasil . Isso porque a cidade foi a primeira a receber os portugueses no ano de 1500, portanto foi lá que o Brasil como é conhecido hoje começou a surgir. Por isso, a cidade reúne diversos pontos históricos que foram preservados ao longo dos séculos.

Além disso, o destino é ótimo para quem quer conhecer a biodiversidade e se reconectar com a natureza. Seja em praias ou em parques, o pilar natural sempre está presente e dá o ar da graça em diversos passeios. Tudo isso torna Porto Seguro o lugar perfeito para quem ama história, lazer, natureza e diversão.

Cheio de falésias coloridas e recifes de coral, o município tem muita beleza natural e diversão noturna para quem gosta. A Passarela do Álcool é muito procurada; por lá, há um calçadão à beira mar com palmeiras, edifícios coloniais coloridos, lojas e restaurantes. Durante o dia, as praias mais visitadas são a Cabrália e Coroa Vermelha.

Além disso, muitos turistas procuram a cidade para observar as baleias Jubarte, principalmente entre julho e outubro.

5. Caraíva

Saiba quais são as principais cidades para visitar na Bahia
Reprodução/Melhores Destinos

Saiba quais são as principais cidades para visitar na Bahia

As ruas de Caraíva são totalmente de areia e faz pouco tempo que a vila recebeu energia elétrica (e mesmo assim a luz funciona apenas dentro dos estabelecimentos e residências). De frente para o mar e sinônimo de tranquilidade de calmaria, Caraíva é um dos locais mais procurados pelos turistas.

Como de um lado há água doce e do outro salgada, independente de onde estiver hospedado, com poucos minutos de caminhada é possível chegar ao mar ou ao rio. O visitante pode reservar um dia todo ou apenas um período para cada, vai depender de como quer aproveitar seu tempo. Para quem gosta de água doce, é possível descer ou subir o Rio Caraíva de boia para aproveitar a natureza sob um novo ângulo.

Uma alternativa de lazer que a vila oferece são os passeios de buggy. Empresas oferecem o serviço que leva o turista para conhecer a Aldeia indígena de Barra Velha e o Monte Pascoal – primeiro pedaço de terra avistado pelos portugueses quando chegaram ao Brasil.

Durante a noite, o vilarejo mostra que não é só praia. Após às 22h, as casas noturnas abrem as portas e o famoso forró de Caraíva começa. Também existe uma variedade de restaurantes e bares para todos os bolsos e gostos. É possível provar a gastronomia regional, assim como pratos de outras nacionalidades. Em dias de semana, as ruas permanecem escuras para conservar a aura rústica do local. Lá não entra carro, o que faz parecer que o lugar parou no tempo — e por isso desperta tanto interesse por parte dos visitantes.

6. Morro de São Paulo

No Morro de São Paulo os turistas podem vivenciar a maior tirolesa do Brasil que passa por dentro d'água
Larissa Paschoal

No Morro de São Paulo os turistas podem vivenciar a maior tirolesa do Brasil que passa por dentro d’água

Localizado na Ilha de Tinharé, no município de Cairu, o Morro de São Paulo abriga as belezas do litoral baiano. Fica a 250 km da capital Salvador, e para chegar até lá é preciso fazer uma viagem de catamarã com duração média de duas horas, o que deixa o passeio ainda mais incrível.

As praias são numeradas (Primeira, Segunda, Terceira, Quarta, etc.) e o local também abriga piscinas naturais lindíssimas. Lá, os turistas também podem experimentar a maior tirolesa localizada no Brasil que passa dentro d’água e apreciar o pôr-do-sol no alto do Forte.

Para manter a natureza preservada, carros particulares não podem entrar, então prepare-se para por o pé na areia e curtir o melhor que Morro de São Paulo tem a oferecer.

Apesar de não estar muito bem conservado, o Forte guarda muito da história da região e fica próximo a uma antiga senzala, com um túnel que leva à igreja principal. Já o para chegar ao Farol, o passeio pode ser um pouco cansativo. Com seus 120 degraus, é possível chegar ao topo do local e se deslumbrar com a vista lá de cima: é possível ver a cidade de Salvador e algumas das praias do distrito.

Fonte: IG