Anadia/AL

26 de outubro de 2021

Anadia/AL, 26 de outubro de 2021

Em ato na avenida Paulista, esquerda resgata bandeira do Brasil: “Ela é nossa”, diz manifestante

Por GyanCarlo

Em 2 de outubro de 2021

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on email
VV

Reprodução

Bandeira do Brasil reaparece nas manifestações do Fora Bolsonaro

As irmãs Lilian e Liliane Silva caminhavam para casa, após o ato, vestidas de verde e amarelo e abraçadas em uma bandeira do Brasil. A cena foi comum, na manifestação contra o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), em São Paulo, na tarde deste sábado (2).

“Essa bandeira representa a gente, e o PT precisa tomar conta disso. Eles (bolsonaristas) acham que são donos da bandeira, mas não são”, defendeu Liliane, que usava uma máscara do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

No principal carro de som da manifestação, apenas uma faixa que pedia o impeachment de Bolsonaro e uma enorme bandeira brasileira. Em outro ponto, militantes da União Municipal dos Estudantes de São Paulo (Umes) levaram bandeiras brasileiras nas mãos e no carro de som.

“A esquerda sempre valorizou os símbolos do Brasil, entre eles, a bandeira. O que a esquerda não vai fazer nunca é dizer que o Brasil é um partido político, como Bolsonaro fez. Nós sempre vamos ter a bandeira do Brasil como nossa”, diz Hoffman.

Ciro Gomes, do PDT, discursou com uma bandeira na mão. Ele falou ao Brasil de Fato sobre o resgate do símbolo. “É um gesto humilde que devemos ao povo brasileiro. Precisamos produzir centros de convergência, e é fato que o Bolsonaro é inimigo da democracia e atenta contra a vida do povo, precisamos impedir o Bolsonaro (de vencer a eleição em 2022). Para isso, precisamos fazer um consenso muito mais largo que o mundo da esquerda.”

É o mesmo argumento do deputado federal Orlando Silva (PcdoB-SP), que também celebrou o resgate da bandeira brasileira na manifestação:

“Esse é o nosso principal desafio. Fizemos grandes manifestações construídas por lideranças de esquerda e movimentos populares. Hoje, no Brasil, nossa luta é para que todos estejam contra Bolsonaro. Eu não tenho a menor dúvida, o Brasil é nosso, é do povo trabalhador, não é do Bolsonaro. Bolsonaro é um nacionalista fajuto, de mentira. Ele não ama o Brasil, ele usa apenas como retórica. Temos que resgatar nossa bandeira, esse símbolo nos pertence.”

Fonte: Brasil 247

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter