Anadia/AL

16 de outubro de 2021

Anadia/AL, 16 de outubro de 2021

Menina de 9 anos é estuprada por colega em abrigo no litoral de SP

Por GyanCarlo

Em 2 de outubro de 2021

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on email
VV

( Foto: Arquivo Pessoal)

Um adolescente de 13 anos é suspeito do ato infracional durante um abrigo para menores em SP e foi encaminhado para a Fundação Casa

Uma menina de nove anos foi vítima de estupro enquanto estava em um abrigo para menores de idade, em Santos, no litoral paulista. Um adolescente de 13 anos é suspeito do ato infracional e foi encaminhado para a Fundação Casa. A família foi avisada somente 12 dias depois do caso. O caso teria ocorrido no dia 19 de setembro, informou a Secretaria de Segurança Pública (SSP) do estado. A menina foi socorrida para o Hospital Frei Galvão, na Zona Noroeste da cidade. As informações foram publicadas pelo portal G1.

A mãe da garota informou, em reserva, que os filhos estão no abrigo há cerca de um ano, pois houve uma briga com o ex-marido e a Justiça decidiu que o local era mais seguro para as crianças. Ela soube do abuso no último dia 30.

“Recebi uma mensagem que a minha menina tinha sido vítima de estupro no banheiro do abrigo. Eles [abrigo] não me avisaram, não falaram nada. Liguei para o meu ex-marido, e eu e ele fomos até lá. O advogado nos instruiu falando que teria que chamar a Polícia Militar porque senão eles não iam passar nenhuma informação sobre a criança, já que não temos a guarda”, disse..

Em nota, a prefeitura afirmou que, desde julho de 2021, a unidade está sob o comando da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (Seds), após decisão judicial que determinou a suspensão do termo de colaboração entre a pasta e a entidade, com o objetivo de apurar fatos de conhecimento do Poder Judiciário, que estão sob segredo de justiça.

De acordo com a administração municipal, os familiares que têm vínculos com as crianças e adolescentes acolhidos, e que têm autorização judicial para agendar visitas ao acolhimento são comunicados constantemente dos atendimentos realizados pela equipe técnica da Seds.

Fonte: Brasil 247

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter