Anadia/AL

17 de outubro de 2021

Anadia/AL, 17 de outubro de 2021

Covid-19: Arapiraca inicia reforço da terceira dose para idosos a partir de 60 anos

Por GyanCarlo

Em 4 de outubro de 2021

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on email
VV

Reprodução

Secretaria Municipal de Saúde anuncia cronograma e critérios

Além das primeiras e segundas doses de vacinas contra a Covid-19, Arapiraca também está aplicando a terceira dose para grupos específicos. A partir de agora, idosos com 60 anos ou mais também receberão a dose de reforço. Profissionais de saúde também foram autorizados a receber a terceira dose.

“De acordo com nota técnica assinada pelos órgãos, a terceira dose deve ser de uma vacina heteróloga, ou seja, de uma farmacêutica diferente das duas primeiras”, explicou a profissional.

Quem tomou a primeira e a segunda dose da Coronavac ou da AstraZeneca, tomará a terceira dose com a Pfizer. E quem tomou primeira e segunda dose da Pfizer, tomará a terceira com a AstraZeneca.

A dose de reforço é destinada exclusivamente para idosos e indivíduos com alto grau de imunossupressão, considerando que esses grupos apresentam menor proteção pelo esquema padrão da vacinação aos demais diversos tipos de imunizantes.

Confira a lista de grupos atualizada:

  • IDOSOS COM MAIS DE 60 ANOS – A terceira dose (ou dose de reforço) poderá ser aplicada após 180 dias do recebimento da última dose do esquema básico (segunda dose ou dose única – no caso da Janssen);
  • IMUNOSSUPRIMIDOS – A terceira dose (ou dose adicional) poderá ser aplicada após 28 dias de recebimento da última dose do esquema básico (segunda dose ou dose única – no caso da Janssen);
  • PROFISSIONAIS DE SAÚDE – A terceira dose poderá ser aplicada após 180 dias do recebimento da última dose do esquema básico (segunda dose ou dose única – no caso da Janssen).

Estão aptos a receber a dose adicional (imunossuprimidos), os arapiraquenses que se encaixam nos seguintes critérios:

  • Imunodeficiência Primária Grave;
  • Quimioterapia para Câncer;
  • Transplantados de órgão sólido ou de células tronco hematopoiéticas (TCTH);
  • Pessoas vivendo com HIV/Aids;
  • Uso de corticóides em doses ≥20 mg/dia de prednisona, ou equivalente, por ≥14 dias;
  • Uso de drogas modificadoras da resposta imune (vide tabela 1);
  • Pacientes em hemodiálise;
  • Pacientes com doenças imunomediadas inflamatórias crônicas (reumatológicas, auto inflamatórias, doenças intestinais inflamatórias).

Sobre a vacinação dos profissionais de saúde, para evitar aglomeração, a aplicação da dose de reforço será dividida em etapas e seguirá o calendário abaixo:

  • 4 de outubro – nomes com iniciais de A a E;
  • 5 de outubro – nomes com iniciais de F a J;
  • 6 de outubro – nomes com iniciais de K a O;
  • 7 de outubro – nomes com iniciais de P a T;
  • 8 de outubro – nomes com iniciais de U a Z.

Fonte: Tribuna Hoje

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter