Anadia/AL

16 de outubro de 2021

Anadia/AL, 16 de outubro de 2021

APÓS SURTO, MILITAR É BALEADO E MORTO POR COLEGAS DE FARDA, EM MACEIÓ

Por Alagoas Brasil Noticias

Em 12 de outubro de 2021

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on email
whatsapp-image-2021-10-12-at-102334

Foto: Arquivo da família

Por Sidinéia Tavares

O policial militar Alessandro Oleszko, que ocupava o cargo de sargento, foi baleado e morto por colegas de farda, ontem, segunda-feira, 11. Ele teria tido um surto e tentado agredir os colegas com uma faca.

Segundo testemunhas, Alessandro havia efetuado disparos de arma de fogo contra uma residência no bairro Guaxuma, por isso outros militares foram até sua residência, para o levar à corregedoria da PM, após solicitação da corregedoria.

Durante a abordagem, o sargento foi baleado na perna após ter reagido à prisão. Ele ainda foi levado para o Hospital Geral do Estado (HGE), onde passou por cirurgia mas não resistiu.

Conforme a polícia, o sargento teria tentato atingir os policiais com armas brancas e ainda teria agredido os companheiros de farda. Sem conseguir contê-lo, os militares afirma que foi necessário atirar em sua perna.

A filha do policial disse querer justiça do caso. “O meu pai estava doente. Ele chegou, inclusive, a pedir ajuda. Eram os amigos dele, não consigo acreditar que isso aconteceu. Era um homem só contra um batalhão. Será que todos aqueles homens não conseguiram contê-lo sem ter que atirar? Estou revoltada. A polícia acabou com toda uma família”, disse Karol Oleszko, filha do Sargento.

O corpo do sargento foi levado para o Instituto Médico Legal (IML), onde aguarda liberação para sepultamento.

Até  momento, a corregedoria da PM não se posicionou sobre o caso.

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter