Anadia/AL

5 de dezembro de 2021

RÁDIO ABN NEWS

Anadia/AL, 5 de dezembro de 2021

Atalaia: mãe denuncia ação de pedófilo em rede social

Por GyanCarlo

Em 27 de outubro de 2021

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on email
vv
A mãe de uma criança de apenas nove anos de idade viveu momentos de angústia, esta semana, ao flagrar uma conversa, pelo celular, de sua filha – que tem apenas nove anos de idade – com um homem que iniciou o bate-papo numa rede social para assediar a menina. Ela conta ter bloqueado o perfil e denunciou o caso aos responsáveis por uma página criada no Instagram para noticiar fatos da cidade de Atalaia, onde reside, a fim de alertar outras possíveis vítimas.

A mãe, que prefere não ser identificada, conta que estranhou o fato de a filha ter começado uma conversa com um estranho, que se identifica na rede social como @mateus_barbosa2003. O perfil, cuja conta é privada, tem quase dois mil seguidores e se apresenta como jogador de um conhecido jogo de ação, o Free Fire.

A denunciante, por sua vez, afirma acreditar que o perfil seja falso, tendo sido criado para ludibriar as vítimas. “Denunciei a conta desse rapaz, e vou levar o caso à polícia porque outras crianças podem ser vítimas desse sujeito. Descobri a tentativa de abuso por acaso, quando minha filha pegou o celular do avô”, conta a mãe, garantindo não permitir que a menina tenha acesso a aparelho celular, bem como à rede social, sem a supervisão de um adulto.

“Eu suspeito que ele se comunica ao vivo, pelo próprio jogo, com outras crianças, pedindo a conta desses jovens no Instagram para, então, assediá-los”, emenda a mãe.

Homem que se identifica como jogador de Free Fire assedia menina de apenas 9 anos em rede social

A foto de perfil do suspeito, inclusive, é um personagem do jogo que se tornou febre entre os adolescentes. Na conversa com a menina, o suspeito pergunta a sua idade e, ao receber a resposta, não demonstra qualquer inquietação.

Pelo contrário, pergunta se a criança “curte uma coisa bem apimentada” e se poderia mandar uma foto mostrando seu órgão genital. O suspeito, porém, não sabia que quem digitava era a mãe da criança, que, então, diz que vai denunciá-lo e encerra a conversa.

Fonte: TNH1

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter