Anadia/AL

27 de janeiro de 2022

Anadia/AL, 27 de janeiro de 2022

Janio de Freitas escancara absurdo da candidatura do ex-juiz suspeito Moro – o rei das ilegalidades

Por Alagoas Brasil Noticias

Em 5 de dezembro de 2021

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on email
cats 5

Foto: Reprodução

Eleições 2022 | 10:39

“A anulação de 13 condenações aplicadas por Sergio Moro, entre as quais as de Antonio Palocci e Marcelo Odebrecht, situa-se entre duas explicações possíveis.

Ou Moro ignorava que irregularidades de cunho eleitoral competem à específica Justiça Eleitoral ou suas sentenças nos 13 processos confirmam má-fé e parcialidade na apropriação desses casos”, escreve o jornalista Janio de Freitas, em sua coluna na Folha de S. Paulo.

“A anulação e suas razões pulverizam todos os questionamentos e ressalvas, sobretudo as do próprio Moro, à recente imputação de julgamentos parciais e suspeitos que lhe fez o Supremo Tribunal Federal (na 2ª Turma e em confirmação pelo pleno)”, prossegue. “Mas nem assim a brasilidade do absurdo se completa.

O que só se dá, por ora, com a candidatura de tal acusável a presidente do país ao qual ludibriou”, diz ainda Janio, que lembra que ele foi autor de escutas ilegais de advogados de defesa, de parentes de acusados, até da presidente da República.

* Redação ABN | Brasil 247

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter