Anadia/AL

17 de maio de 2022

Anadia/AL, 17 de maio de 2022

Homem morre com tiro no peito em ação policial de dispersão na região da Cracolândia

Por GyanCarlo

Em 13 de maio de 2022

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no email
v1

Gazeta Web

Vítima de 32 anos foi baleada na Avenida Rio Branco. Ainda não se sabe de onde veio o tiro nem o calibre da bala | 15:14

A confusão aconteceu durante uma operação policial de dispersão na via, e ainda não se sabe de onde partiu o tiro. Segundo a polícia, ele foi baleado durante um “tumulto”, mas a corporação não deu detalhes do que ocorreu.

Imagens de moradores de prédios região mostram um grupo de pessoas pela avenida, pessoas armadas, e em seguida barulhos de tiros.

Raimundo Nonato Rodrigues Fonseca Júnior, de 32 anos, morava em albergues da região. Ele chegou a ser socorrido pelo Corpo de Bombeiros e levado para a Santa Casa, mas não resistiu aos ferimentos.

Ainda não há informações se Raimundo fazia parte do fluxo da Cracolândia na Praça Princesa Isabel, que foi dispersado na última quarta-feira (11). Ele tinha passagens policiais por roubo e tráfico de drogas.

A ocorrência foi registrada como homicídio no 2º Distrito Policial (Bom Retiro) e será investigada pelo DHPP (Departamento Estadual de Homicídios e de Proteção à Pessoa). A Polícia Civil informou que as imagens estão sendo analisadas.

Procuradas, a Polícia Militar e a Secretaria de Segurança Pública ainda não se manifestaram sobre o caso.

Usuários da Cracolândia dispersos

Após a operação que envolveu 650 oficiais e retirou os dependentes químicos da Cracolândia da Praça Princesa Isabel, a quinta-feira (12) foi marcada por deslocamentos e busca por novos pontos para se fixar nas ruas do Centro, principalmente próximo à Praça Marechal Deodoro.

Divididos em grupos, antigos moradores da Praça Princesa Isabel estão circulando pelos seguintes pontos: Rua Helvétia, Alameda Barão de Piracicaba, Alameda Glete, Rua Mauá, Rua Barão de Limeira, Rua Barão de Campinas e Rua Conselheiro Nébias.

A movimentação dos usuários levou medo aos comerciantes da região, e alguns trabalharam com portas entreabertas nesta quinta (12). Viaturas da Polícia Militar e da Guarda Civil Metropolitana circulavam pela região, assim como agentes de saúde.

Esta foi a segunda mudança de endereço da Cracolândia em pouco mais de um mês.

*Gazeta Web

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter