Anadia/AL

15 de abril de 2024

Anadia/AL, 15 de abril de 2024

Gari brasileiro leva medalha de ouro no mundial de karatê na Europa

ABN - Alagoas Brasil Noticias

Em 30 de março de 2024

vv2

Foto: Divulgação

Por: Karen Belém

Que estreia! Na primeira competição fora do país, o gari e atleta brasileiro Renato Santos – que você viu em primeira mão este mês aqui no Só Notícia Boa – trouxe para casa a medalha de ouro do Campeonato Mundial World Karate Championships (World Karate-Do Alliance – WKA), que ocorreu em Malta, na Europa.

Ele representou o Brasil pela Seleção Brasileira da Confederação Nacional de Karatê do Brasil (CNKB), na categoria verde roxa, e também conquistou troféu de prata por equipe e de bronze no Open Internacional.

“Estou muito feliz, é o meu primeiro título mundial e a realização de um grande sonho, que era trazer a vitória para o Brasil pela seleção brasileira no exterior”, disse Renato Santos em entrevista ao SNB.

Trajetória de superação e dedicação

Nascido em Taguatinga, a 26km de Brasília, no Distrito Federal, Renato Santos, de 26 anos, iniciou a jornada no karatê há menos de cinco anos, influenciado pelo primo que faz parte da Seleção Brasileira da modalidade.

Apesar das dificuldades financeiras, o gari não desistiu do sonho e encontrou apoio na Sustentare Saneamento, empresa onde trabalha e patrocinadora oficial do atleta.

“Ele é um exemplo de dedicação e persistência para todos nós. Quando Renato nos procurou para relatar suas dificuldades com as coberturas dos custos para treinos, inscrições em campeonatos, passagens, hospedagens, alimentações, liberações abonadas no trabalho, uniformes, entre outros, decidimos apoiá-lo no que fosse necessário”, disse a superintendente regional da Sustentare Saneamento, Rejane Costa.

Ela ainda afirmou que todos na empresa estão muito felizes pela linda vitória do Renato.

Coleção de medalhas e troféus

Com poucos anos de carreira, Renato Santos já coleciona 34 medalhas e nove troféus.

A convocação para participar da Seleção Brasileira da CNKB ocorreu em novembro do ano passado.

Em outubro de 2022, Renato foi medalhista de ouro no Campeonato Brasileiro de Karatê da CNKB e, no ano passado, foi medalha de bronze no mesmo torneio.

Atualmente, ele é líder pelo segundo ano consecutivo no ranking de sua categoria pela Federação Brasiliense de Karatê, e vice-líder no ranking da Federação Mineira.

Rotina puxada

Renato trabalha como varredor, de segunda a sábado, das 6h às 14h20.

Assim que finaliza o expediente, segue para a fisioterapia na Vitay Life Saúde, que também o patrocina, e de lá vai para o Kotaka Dojo.

Antes dos patrocínios, Renato treinava gratuitamente no Dojo Iskem Ice, um projeto social da igreja Cristã Evangélica, porém o local foi fechado recentemente.

Mas mesmo com a rotina pesada, ele não pretende largar o trabalho de gari.

Próximos passos

Além de intensificar seus treinos para futuras competições, o campeão mundial quer cursar Educação Física e aprimorar o inglês.

“A faculdade vai me trazer conhecimentos que poderei aplicar em mim mesmo e aprender inglês vai facilitar nas minhas próximas disputas internacionais”, comentou o atleta.

Ele também planeja dar aulas gratuitas de karatê para crianças da comunidade.

Que ser humano! Aplausos Renato!

Renato concilia o trabalho como gari com a rotina de treinos. - Foto: Divulgação

Renato concilia o trabalho como gari com a rotina de treinos. – Foto: Divulgação

O atleta já conquistou 34 medalhas e nove troféus. - Foto: Divulgação

O atleta já conquistou 34 medalhas e nove troféus. – Foto: Divulgação

*Redação com Só Notícia Boa

Galeria de Imagens