Anadia/AL

13 de julho de 2024

Anadia/AL, 13 de julho de 2024

Empresário diz que começa a trabalhar saída de Gabigol do Flamengo

Agente critica proposta de renovação por um ano feita pelo clube e afirma que fim da relação pode ocorrer na janela que se abre no próximo dia 10 | 16:18 hs

ABN - Alagoas Brasil Noticias

Em 28 de junho de 2024

SP - RIO DE JANEIRO - 02/06/2024 - BRAZILIAN A 2024, VASCO x FLAMENGO - Flamengo player Gabigol during warm-ups before the match against Vasco at the Maracana stadium for the Brazilian A 2024 championship. Photo: Thiago Ribeiro/AGIF (Photo by Thiago Ribeiro/AGIF/Sipa USA)   - Photo by Icon Sport

Giro Esportes News

Antes de deixar claro que já pensa no futuro de Gabigol fora do Flamengo, Pedroso externou a insatisfação com o fato de a negociação ter sido tratada de forma pública pelo presidente Rodolfo Landim nos últimos meses.

– Geralmente essas questões não são tão públicas, são questões de caráter privado, uma negociação envolvendo extensão de contrato. No caso do Gabriel, estamos falando de um atleta muito importante para o Flamengo, talvez o jogador mais importante do ciclo Landim. Foi uma discussão de renovação que durou um ano e três meses de conversas com o Flamengo, algumas reuniões no Rio de Janeiro para discutir essa extensão que passaria a valer a partir de 1º de janeiro de 2024.

Cronologia e acerto em outubro de 23

Pedroso afirma que foram 10 reuniões presenciais com o Flamengo de março de 2022 a outubro de 2023, todas com Marcos Braz e Bruno Spindel, vice e diretor executivo de futebol, respectivamente. O empresário de Gabigol garante que o acordo pela renovação de cinco anos foi selado em outubro de 2023, com direito a cumprimentos por parte do clube.

– Em meados de outubro de 2023, a gente sela o acordo. Marcos e Bruno nos ligam e nos parabenizam pela extensão por mais cinco anos de contrato. Isso também aconteceu com os pais do Gabriel, que moram em Santos. E aconteceu com o próprio Gabriel no CT, onde recebeu um aperto de mão com os parabéns pela renovação dos cinco anos de contrato nos termos que foram construídos durante um ano e três meses.

Gabigol ao lado do empresário Júnior Pedroso — Foto: Arquivo pessoal

Gabigol ao lado do empresário Júnior Pedroso — Foto: Arquivo pessoal

– A única objeção seria esperar porque o Flamengo estava construindo a renovação de outros dois brilhantes jogadores, que são Everton Ribeiro e Bruno Henrique. Eles queriam esperar essa construção para não atrapalhar o desenvolvimento dessas outras duas renovações. A gente entendeu. Paralelo a isso, meu sócio e advogado estava em contato com o jurídico do Flamengo pedindo as minutas para a gente adiantar o processo jurídico de revisão de contrato, e a gente encontrou algo estranho, porque o jurídico não passava para podermos revisar. E aí começaram a sair matérias em alguns veículos dizendo que o Flamengo enfrentava dificuldade dentro da sua diretoria para aprovar essa renovação. Passamos a apertar o Flamengo pedindo respostas. Em algum momento, eles pararam de responder, e a gente entendeu o que estava acontecendo.

– Passou o tempo, e a gente imaginava que poderia haver algum movimento no início do ano, que era quando passaria a vigorar o novo contrato, mas nenhum movimento do lado do Flamengo aconteceu. Aconteceu foi um movimento muito grande do Corinthians, e em nenhum momento a gente abriu negociação, porque estávamos respeitando o acordo com o Flamengo e na expectativa da extensão de cinco anos, essa era a prioridade do Gabriel. É o time com o qual tem identificação muito grande e onde foi vitorioso. Ele ama o Rio de Janeiro e estava muito feliz com o que tinha sido construído, apesar de outras investidas de clubes do Brasil e de fora. Era o que ele queria para imaginar esse próximo ciclo de carreira dele – afirmou Pedroso.

O empresário negou ter oferecido Gabigol ao Corinthians. Ele relatou ter ouvido de pessoas do clube paulista a informação de que o Flamengo tentava construir uma negociação para vender Gabigol à equipe do Parque São Jorge

Certeza de que o Flamengo não tinha mais interesse

Júnior Pedroso afirmou que, depois de várias tentativas de contatos com o Flamengo, voltou a conversar com o clube em abril. Como não viu interesse da diretoria na renovação, sentiu-se à vontade para começar a pensar no futuro de Gabigol fora do Rubro-Negro.

– Estive com Bruno (Spindel) em maio de 2024, no jogo Red Bull x Flamengo, em Bragança. Bruno me convidou para um café e perguntou se tínhamos o desejo de reabrirmos a negociação. Eu expus que sim. Entendemos que talvez eles tivessem problemas políticos para desenvolver um negócio que já estava acordado, mas que estávamos dispostos a conversar. O Bruno não tinha apresentado nada nesse bate-papo, foi tudo informal. Demos um prazo até julho para que isso se realizasse, porque o Gabriel não iria esperar até dezembro para resolver o futuro dele. Gabriel já tem 27 anos, vai fazer 28 anos em agosto. Ele tem um ciclo muito importante na carreira dele, talvez um ciclo de estabilidade.

Pedroso disse ter estranhado o fato de o Flamengo ter procurado Gabigol diretamente para oferecer o contrato de um ano.

– Daí para frente não consegui mais conversar com o Bruno sobre renovação. E agora por último o Flamengo veio abordar diretamente o Gabriel com essa proposta de extensão de um ano de contrato, entendendo que o clube precisava de um tempo para avaliá-lo. Isso foi direto com o Gabriel e de fato no momento ele estranhou. Nunca imaginamos que o Flamengo iria propor extensão de contrato de um ano, independentemente dos termos financeiros. E ele, óbvio, negou na hora.

– Ele entendeu o que estava acontecendo. Discutimos o tema e resolvemos daqui para frente começar a trabalhar de fato a saída dele do Flamengo. Está muito claro que o Flamengo não tem interesse esportivo na renovação dele. Isso foi agora recente mesmo. A história na íntegra é essa.

Desejo de conseguir novo clube em breve

Júnior Pedroso garantiu que o ídolo está muito incomodado com a condução do caso e afirmou que seu objetivo é definir em breve o próximo clube de Gabigol.

– Do nosso lado, não gostamos de externar coisas particulares. Mas, devido a tudo que tem sido publicado pelo lado do Flamengo, o Gabriel está muito incomodado com o que está saindo, porque acaba interferindo na relação dele com o torcedor. Isso eu acho que nunca vai acabar, o ciclo dele foi muito vitorioso no Flamengo. Infelizmente a gente gostaria que o desfecho fosse diferente, mas a gente tem que entender que do lado do clube há uma gestão por trás. Espero podermos falar em breve do próximo clube do Gabriel.

O empresário considera a possibilidade de saída imediata de Gabigol do Flamengo. O contrato atual é válido até dezembro deste ano, mas o empresário trabalha com a hipótese de o jogador encontrar novo clube já na janela de meio de ano, que abre no dia 10 de julho.

– Com certeza, se o Flamengo entende por bem que pode se aproveitar desse momento em que pode exigir alguma troca ou algum valor financeiro para liberar o Gabriel de forma antecipada, isso claramente poderia ser efetuado. Caso contrário, ele vai sair em dezembro. É entender da parte do clube o que eles preferem.

Interesse de Palmeiras e Cruzeiro

Questionado se confirma o interesse do Palmeiras, Júnior Pedroso disse o seguinte:

– A gente tem lido muito mais coisas do que presenciado. A gente sabe que o Palmeiras gosta dele, já teve discussões anteriores lá atrás, mas o Palmeiras não fez uma nova abordagem em relação a discutir a transferência agora. Gabriel fica livre em dezembro de 2024. A partir de 1º de julho, ele pode assinar pré-acordo em que sai livre e pode assinar com qualquer clube do mundo. Até em prol desse respeito que temos com o Flamengo, de não conversar com outros clubes até julho, imagino que se abre um novo ciclo a partir de 1º de julho para a gente resolver o futuro do Gabriel. O futuro do Gabriel não vai se resolver em dezembro.

Perguntado a respeito do Cruzeiro, não negou e comentou que outros clubes o procuram durante o impasse com o Flamengo.

– Existem ciclos de momentos em que às vezes os clubes entendendo que o movimento com o Flamengo não está evoluindo, os gestores ligam para entender a situação e para se colocarem à disposição. Como a gente estava num ciclo fechado de negociação com os outros clubes, até julho a gente não avançou em nenhuma negociação, mas é óbvio que informalmente houve alguns contatos de alguns clubes, sim. E agora vamos retomar todos esses contatos e entender os nossos próximos movimentos.

*Redação com GE/ Globo

Galeria de Imagens