Anadia/AL

23 de maio de 2024

Anadia/AL, 23 de maio de 2024

8/1: Esplanada terá forte esquema de segurança e desvio no trânsito

ABN - Alagoas Brasil Noticias

Em 7 de janeiro de 2024

df

Felipe Menezes/Metrópoles

✨ Isadora Teixeira 

A Esplanada dos Ministérios estará sob um forte esquema de monitoramento nesta segunda-feira (8/1), data que marca um ano dos atos antidemocráticos de 8 de janeiro.

Em função dos eventos em defesa da democracia – no Supremo Tribunal Federal (STF) às 14h e no Congresso Nacional, às 15h –, o trânsito será fechado a partir da Avenida das Bandeiras, antes do Congresso, até a L4 Sul.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública do Distrito Federal (SSP-DF), “o fechamento pode ser reavaliado e modificado, de acordo com as circunstâncias do dia e do evento, conforme avaliação das forças de Segurança Pública do DF”. A orientação é que os motoristas usem a N2 e a S2 neste dia.

Mais de dois mil policiais militares estarão mobilizados para atuar, se necessário, na Esplanada, de acordo com a governadora em exercício do DF, Celina Leão (PP).

A Força Nacional terá 250 homens para garantir a segurança na área do Palácio do Planalto, segundo o secretário executivo do Ministério da Justiça e Segurança Pública, Ricardo Cappelli.

Até o momento, não há nenhuma manifestação cadastrada ou prevista para o local. “O Polícia Militar estará presente na Esplanada dos Ministérios, e, em caso de necessidade, poderá montar linhas de revista para impedir a circulação de pessoas portando objetos que possam causar risco ou perigo a bens públicos ou terceiros”, explicou a SSP-DF, em nota.

Além do policiamento presencial, as vias serão monitoradas por meio de câmeras e drones. As imagens são transmitidas ao vivo para o Centro Integrado de Operações de Brasília (Ciob). As equipes de inteligência das corporações federais e distritais acompanham a movimentação nas redes sociais para identificar qualquer mobilização para o dia 8 de janeiro.

O Congresso Nacional estará isolado, de forma preventiva, com gradis.

Protocolo

Na última quinta-feira (4/1), o Protocolo de Ações Integradas (PAI) foi assinado pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP) e pela Secretaria de Segurança Pública do Distrito Federal (SSP-DF), no Palácio do Buriti.

A governadora em exercício do DF disse que o efetivo de policiais “será mais que suficiente”. O secretário de Segurança Publica do Distrito Federal, Sandro Avelar, enfatizou que o dia 8 de janeiro de 2023 marcou o DF de forma negativa, mas o ataque às instituições visto no ano passado “não vai se repetir”.

No evento, Cappelli elogiou a Polícia Militar do DF, e disse ter “plena confiança” na corporação. “Muito se fala dos que erraram. Não podemos confundir erro de alguns com instituição bicentenária com serviço prestado ao país. Muito se fala dos que erraram, mas pouco se fala dos 44 policiais que se feriram defendendo a democracia”, disse.

✨ Redação com Metropoles


Galeria de Imagens