Anadia/AL

22 de junho de 2024

Anadia/AL, 22 de junho de 2024

Após ser chamado de corno, homem asfixia vítima até a morte

Dupla foi indiciada por homicídio qualificado por motivo fútil.

ABN - Alagoas Brasil Noticias

Em 7 de junho de 2024

Maribondo

Crime ocorreu há um mês em Maribondo. Foto: Centro de Maribondo - Alberto Costa

Por Regina Carvalho

A Polícia Civil elucidou o assassinato de Givanildo Pedro da Silva, crime ocorrido há um mês, na cidade de Maribondo, em Alagoas. Um dos envolvidos no homicídio foi identificado como Devson Eugênio, primo da vítima, e o outro, Fernando dos Santos Silva, conhecido como Tica, é a pessoa que teria planejado o homicídio.

As investigações apontam que Givanildo foi asfixiado e morto porque chamou Fernando (Tica) de corno dois dias antes do crime. Para se vingar, o autor teria armado para encontrar a vítima numa bebedeira e, assim, cometido, juntamente com Devson, o assassinato.

A suspeita é de que a dupla asfixiou Givanildo com um fio. Além disso, depois de morto, ele foi colocado em cima de uma cama e coberto com lençol, para simular que a morte tinha sido natural.

As prisões de Fernando e Devson ocorreram nessa quinta (6), em cumprimento a um mandado judicial.

O chefe da Delegacia de Maribondo, Francisco Junior, explicou que Tica é conhecido pelo histórico de violência e chegou a cometer violência doméstica e uma tentativa de homicídio, com uso de faca, dentre outros casos.

Os dois presos foram indiciados por homicídio qualificado por motivo fútil. Tica foi localizado em Taquarana para onde tinha fugido após o crime.

Redação com Gazeta Web

Galeria de Imagens