Anadia/AL

20 de junho de 2024

Anadia/AL, 20 de junho de 2024

Cochicho e provocações: veja o que foi dito por Nikolas e Janones antes da briga na Câmara

Nikolas e Janones se provocam no Conselho de Ética da Câmara dos Deputados

ABN - Alagoas Brasil Noticias

Em 6 de junho de 2024

brrr

Divulgação/Paulo Capelli/Metrópoles

André Janones (Avante-MG) e Nikolas Ferreira (PL-MG) protagonizaram uma discussão na Câmara dos Deputados que quase terminou em agressão física nessa quarta-feira (5). Os deputados federais precisaram ser separados por colegas e as imagens da briga logo viralizaram nas redes sociais. Momentos antes da confusão, os dois tinham cochichado quando ficaram próximos em sessão do Conselho de Ética. Mas, afinal, o que eles falaram?

Na sessão dessa quarta, Janones se livrou do risco de cassação por “rachadinha” após a aprovação de um parecer de Guilherme Boulos (PSOL). A prática de “rachadinha” significa a divisão de partes dos salários de funcionários do gabinete que são repassadas ao parlamentar.

Segundo a coluna do jornalista Paulo Cappelli, do Metrópoles, os deputados já davam sinais de que o clima iria esquentar minutos antes da votação. Sentado à frente de Nikolas, Janones olha para trás e começa a interação nada amigável. O bolsonarista reage: “Você não aguenta, Janones. Você é fraquinho demais na rede social. Você tem 10% dos meus votos. Cala a boca! Tá muito longe de votos”.

Nesse momento, Janones rebate o colega: “Vou vencer de novo em 2026. Você tá treinando para cair na hora da eleição. Você já entrou no Palácio? Perdeu e vai perder de novo. Eu vou eleger o Lula de novo em 2026. Vou eleger o Lula em 2026″. Nikolas então prossegue: “Vira pra frente aí, Janones. Tá atrapalhando. Ô, Rachadones”.

Por estarem próximos durante as provocações, um outro parlamentar chega a brincar: “Tá rolando um clima aí, hein?”.

“Vagabundo, boiola”

Após o colegiado arquivar o caso por 12 votos a cinco, deputados apoiadores do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) e da base do presidente Luiz Inácio Lula da Silva começaram a trocar insultos e provocações. Janones chamou parlamentares de “boiola” – inclusive Nikolas – e convocou “para conversar lá fora”.

Quando a situação escalou, a ponto de a Polícia Legislativa Federal precisar separar os congressistas, Janones foi retirado da sala, mas Nikolas o seguiu pelos corredores da Câmara.

“Você é um frouxo, você é um mentiroso. Seu m****. Vamos lá fora então, quero ver”, disse Nikolas. “Vamos só nós dois. Tira a gangue, tira a gangue, tira a gangue. Vagabundo, boiola, tomar no seu c*, Bandido. É só nós dois. Vem cá”, respondeu Janones.

A deputada federal Jack Rocha (PT-ES) foi uma que estava entre outros populares que agiram para apartaram os dois. “Pode vir, bate, bate, ‘rachadinha'”, prosseguiu Nikolas. “Moleque golpista Pau no seu c., seu moleque. Dou na sua cara com um soco, seu otário”, ameaçou Janones.

“É muito fácil. Está correndo. Vem cá, seu f****”, prosseguiu Janones. “Você é um frouxo mentiroso. É isso o que você é. Seu lixo”, rebateu Nikolas.

Janones ainda teve confronto com outro deputado bolsonarista na saída do Conselho de Ética. Desta vez, foi o deputado Zé do Trovão quem quis partir para cima do político mineiro.

Fonte: TNH1

Galeria de Imagens