Anadia/AL

21 de julho de 2024

Anadia/AL, 21 de julho de 2024

“É necessário muito trabalho para alcançar a paz entre Rússia e Ucrânia”, diz Orban

Ele ressaltou que, nos últimos dois anos e meio, a Hungria foi um dos poucos países europeus a manter contatos tanto com a Rússia quanto com a Ucrânia | 17:00 hs

ABN - Alagoas Brasil Noticias

Em 6 de julho de 2024

vv1

Alan Santos/PR

Durante uma visita a Moscou, o Primeiro-Ministro Húngaro Viktor Orban destacou a distância significativa entre as posições de Moscou e Kiev e afirmou que será necessário um grande esforço para alcançar a paz. As declarações foram feitas após uma reunião de duas horas e meia com o Presidente Russo Vladimir Putin, que também contou com a presença dos ministros das Relações Exteriores de ambos os países e outros membros das delegações.

Orban ressaltou que, nos últimos dois anos e meio, a Hungria foi um dos poucos países europeus a manter contatos tanto com a Rússia quanto com a Ucrânia. “Por isso visitei Kiev esta semana e agora estou em Moscou. Vejo que suas posições estão muito distantes uma da outra. Muitos passos precisam ser dados para se aproximar do fim da guerra”, disse ele.

O Primeiro-Ministro também mencionou a recente presidência da União Europeia assumida pela Hungria no dia 1º de julho e sua visita subsequente a Kiev, onde propôs condições para um cessar-fogo, que foram recusadas pelo Presidente Ucraniano Volodymyr Zelensky, conforme informado pelo gabinete deste último. Orban justificou sua mediação afirmando representar o continente europeu, que está interessado na paz, a qual, segundo ele, pode ser alcançada por meio de diálogos com a Rússia, embora tais negociações tenham sido proibidas por decreto de Zelensky.

*Redação com  Brasil 247

Galeria de Imagens