Anadia/AL

21 de julho de 2024

Anadia/AL, 21 de julho de 2024

Em delação à PF, Mauro Cid diz que Bolsonaro consultou comandantes militares sobre golpe de Estado

ABN - Alagoas Brasil Noticias

Em 8 de março de 2024

VV2

José Dias/PR

Segundo trechos do depoimento de Mauro Cid, obtidos pela revista Veja, a reunião ocorreu em novembro de 2022, poucos dias após a vitória do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) nas urnas. De acordo com o ex-ajudante de ordens de Bolsonaro, ele convocou os chefes do Exército, general Marco Antônio Freire Gomes, da Aeronáutica, brigadeiro Carlos Baptista Júnior, e da Marinha, almirante Almir Garnier.

Na ocasião, Bolsonaro já havia aprovado uma minuta de um decreto golpista que, segundo Cid, teria sido elaborada e apresentada pelo assessor Filipe Martins. Durante a reunião, Bolsonaro teria ficado a sós com os três comandantes sendo que o chefe da Marinha, Almir Garnier, teria sido o único a endossar o suposto plano golpista.

Mauro Cid deverá prestar um novo depoimento à Polícia Federal na próxima segunda-feira (11). A expectativa dos investigadores é que ele revele mais detalhes sobre a trama golpista de maneira a elucidar pontos ainda não esclarecidos pela investigação.

*Redação com Brasil 247

Galeria de Imagens