Anadia/AL

22 de julho de 2024

Anadia/AL, 22 de julho de 2024

Em dia D da Operação Virtude, forças de segurança apuram mais de 150 denúncias de violência contra o idoso

Ação do Ministério da Justiça e Segurança Pública tem como objetivo o combate à violência contra a pessoa idosa.

ABN - Alagoas Brasil Noticias

Em 14 de junho de 2024

em-dia-d-da-operacao-virtude-forcas-de-seguranca-apuram-mais-de-150-denuncias-de-violencia-contra-o-idoso

Equipes da SSP, Seprev e Sesau apuram mais de 150 denúncias de negligência e maus tratos à pessoa idosa na região metropolitana | Fotos: Alan Fagner (Ascom SSP) e Everton Dimoni (Ascom Seprev)

Alan Fagner (Ascom SSP) e Everton Dimoni (Ascom Seprev)

A Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP) apurou, nesta sexta-feira (14), mais de 150 denúncias de negligência e maus tratos contra pessoas idosas na região metropolitana de Maceió. A ação faz parte da Operação Virtude, do Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP) e conta com as parcerias da Secretaria de Estado de Prevenção à Violência (Seprev) e da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau).

A operação acontece em junho por ser o mês de conscientização e combate à violência contra a pessoa idosa. As abordagens permitiram identificar situações de risco e encaminhar os casos para os serviços de proteção, visando assegurar os direitos dessas pessoas e promover intervenções necessárias para a melhoria de suas condições de vida.

De acordo com o chefe de Articulação Política da Prevenção, o tenente-coronel Iran Rego, as ações foram iniciadas no começo de junho, no interior do estado. Nesta sexta (14), o Dia D da operação em todo o país, as ações em Alagoas se concentraram em Maceió e região metropolitana, contudo as atividades continuam sendo realizadas também no interior.

“Estamos com mais de 16 guarnições hoje, tanto no interior, quanto na capital, fazendo o dia D da operação. Estamos com a média de 150 denúncias sendo averiguadas, sendo os endereços verificados. Além disso, nós temos as ações de proximidade, com palestras nas escolas, com visita às instituições de longa permanência e de panfletagem”, explicou o oficial.

Segundo o assessor executivo de Articulação e Gestão Estratégica da Seprev, Anax Bruno, a pasta participa com equipes multidisciplinares que prestam apoio social e psicológico às vítimas.

“A equipe da Seprev, formada por psicólogo e assistente social, integrou essa ação juntamente com as Bases de Polícia Comunitária, para averiguar denúncias realizadas através do Disque Denúncia 181. Foram realizadas visitas domiciliares e verificações das condições de vida de idosos denunciados como vítimas de negligência ou abuso”, afirmou Anax Bruno.

Anax Bruno ressalta que a operação integrada reflete o compromisso do Governo de Alagoas em combater a violência contra a população com 60 anos ou mais, além de assegurar uma rede de proteção sólida e eficiente. Ele reforça que as denúncias de maus-tratos podem ser feitas de forma anônima e que a participação da comunidade é fundamental para o sucesso dessas operações.

“As secretarias de Segurança, Prevenção à Violência e de Saúde contam com um cronograma de ações realizadas em parceria com diferentes instituições para proporcionar uma resposta rápida e eficaz às denúncias da população. Vamos continuar trabalhando para garantir que o cidadão alagoano tenha seus direitos respeitados e viva com dignidade”, completou Anax Bruno.

Redação com Agência Alagoas

Galeria de Imagens