Anadia/AL

21 de junho de 2024

Anadia/AL, 21 de junho de 2024

Falsa médica confessa crime e diz que enganou a própria família

Mulher contou que passou seis anos no Rio Grande do Sul lendo e viajando | 20:24 hs

ABN - Alagoas Brasil Noticias

Em 6 de maio de 2024

vv1

Reprodução

Por: Hebert Borges

Autuada por exercício ilegal da medicina em Maceió, Helenedja Rodrigues de Oliveira teria enganado a própria família sobre sua situação profissional, de acordo com a delegada Luci Mônica, que investiga o caso e ouviu a investiga pela segunda vez, nesta segunda-feira (6). Ela confessou o crime.

Helenedja Rodrigues contou que nunca conseguiu cursar medicina, embora tenha dito que esse fosse seu sonho. Para a polícia, a mulher relatou que mudou-se para o Rio Grande do Sul e disse à família que estudaria medicina, mas passou seis anos no estado lendo e viajando.

Segundo a delegada, os parentes de Helenedja a ajudavam financeiramente. A falsa médica ainda contou que chegou a cursar Farmácia e Nutrição, mas trancou os cursos. Após passar os seis anos, que é o tempo mínimo para se formar em medicina, ela retornou para Maceió.

Na capital alagoana, a mulher teria contado novamente com ajuda dos familiares, mas, dessa vez, para montar o consultório. Com a estrutura pronta, ela atendeu pacientes por nove meses em Maceió. A falsa médica ainda disse que nunca recebeu reclamações de pacientes.

*Redação com Gazeta web

Galeria de Imagens