Anadia/AL

21 de junho de 2024

Anadia/AL, 21 de junho de 2024

Força Nacional reforça segurança de abrigos no RS após casos de estupro

Reforço | 18:03 hs

ABN - Alagoas Brasil Noticias

Em 14 de maio de 2024

vv1

Reprodução

Por: Mateus Coutinho

O Ministério da Justiça anunciou neste sábado (11) que ampliou as atribuições da Força Nacional no Rio Grande do Sul para que ela atue também no reforço da segurança dos abrigos que recebem os atingidos pelas enchentes no estado.

O que aconteceu

Os agentes da Força Nacional que estão no Rio Grande do Sul auxiliando nas ações de resgate passarão também a atuar na segurança dos abrigos montados no estado. Segundo o governo, a expectativa é que o número de agentes federais atuando no Rio Grande do Sul chegue a 300 na próxima semana.

Iniciativa vem após prisões por estupro em abrigos. Nesta semana quatro homens foram detidos suspeitos de praticarem abuso sexual contra menores de idade em abrigos na região metropolitana de Porto Alegre. A prefeitura anunciou a criação de um abrigo exclusivo para mulheres e crianças.

Vítimas são todas menores de 18 anos e familiares dos suspeitos. Segundo o secretário da Segurança Pública do estado, Sandro Caron de Moraes, as verificações dos casos indicaram que todas as vítimas já sofriam abusos sexuais no ambiente doméstico e as ações criminosas foram reiteradas dentro dos abrigos.

Até então, foco dos agentes era no resgate. Enviados para auxiliar a população do Rio Grande do Sul, a Força Nacional estava até então focada no patrulhamento e salvamento embarcados, reconhecimento terrestre, apoio à Brigada Militar (nome da Polícia Militar gaúcha) e ao Corpo de Bombeiros, além de realizar abordagens terrestres e aquáticas para resgate de pessoas e animais ilhados. Brigada Militar também reforça segurança.

*Redação com Notícias.Uol

Galeria de Imagens