Anadia/AL

25 de maio de 2024

Anadia/AL, 25 de maio de 2024

Golpista preso fretou ônibus para Brasília e depredou o Congresso

ABN - Alagoas Brasil Noticias

Em 8 de janeiro de 2024

golpe

Hugo Barreto/Metrópoles

✨ Mirelle Pinheiro e Carlos Carone 

O microempresário baiano Wagner Ferreira Filho foi preso preventivamente na manhã desta segunda-feira (8/1) no âmbito da 23ª fase da Operação Lesa Pátria, deflagrada no dia em que se completa um ano dos ataques às sedes dos Três Poderes.

Segundo as investigações, ele teria desembolsado cerca de R$ 24 mil para fretar um ônibus de manifestantes de Salvador até Brasília (DF).

A coluna apurou que há suspeitas de que o pagamento da contratação do ônibus se deu por meio de valores arrecadados em “vaquinha”, ou que ele tenha sido usado como “laranja”, uma vez que o preso não tem condições financeiras suficientes para contratação do coletivo.

O microempresário também foi alvo de pedido de indiciamento da CPI dos Atos Antidemocráticos da Câmara Legislativa (CLDF) com base em notas fiscais fornecidas pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT).

Também foram encontradas impressões digitais dele em uma das esquadrilhas de vidro depredadas do Salão Negro do Congresso Nacional.

Arsenal

Um policial militar de Rondônia (RO) também é alvo de busca e apreensão da nova fase da Operação Lesa Pátria. Ele tinha um arsenal em casa.

As armas, apesar de regulares, foram apreendidas pelos investigadores da PF. O militar é investigado por fomentar e financiar os atos golpistas registrados em 8 de janeiro de 2023.

No total, o Supremo Tribunal Federal (STF) expediu 48 mandados judiciais – 47 de busca e apreensão e um de prisão preventiva, cumprido na Bahia (BA) –, nos estados do Rio Grande do Sul, da Bahia, de Mato Grosso, Goiás, Minas Gerais, do Maranhão, Paraná, de Rondônia, São Paulo, do Tocantins, de Santa Catarina e no Distrito Federal.

Veja:

Mandados de busca e apreensão:

  • BA – 2
  • DF – 5
  • GO – 2
  • MA – 4
  • MG – 2
  • MT – 10
  • PR – 1
  • RO – 1
  • RS – 13
  • SC – 2
  • SP – 1
  • TO – 3

Mandados de prisão preventiva

  • BA – 1

Determinação da Lesa Pátria

Foi determinada a indisponibilidade de bens, ativos e valores dos investigados. Apura-se que os valores dos danos causados ao patrimônio público cheguem à cifra de R$ 40 milhões.

As investigações continuam em curso. A Operação Lesa Pátria é permanente, com atualizações periódicas acerca do número de mandados judiciais expedidos e pessoas capturadas.


Armas Apreendidas pela Policia Pederal em Rondônia – Foto: PF Divulgação


Foto: PF Divulgação

✨ Redação com Metrópoles 

Galeria de Imagens