Anadia/AL

13 de julho de 2024

Anadia/AL, 13 de julho de 2024

Governador lança Alagoas + Cooperativa para fortalecer setor econômico e associativo

Iniciativa apresentada durante o Encoopal prevê ações integradas, acesso a crédito e suporte ao desenvolvimento sustentável das cooperativas no estado - 14:47 hs

ABN - Alagoas Brasil Noticias

Em 9 de julho de 2024

Alagoas - B

Governador Paulo Dantas disse, durante a solenidade, que os alagoanos estão mais inseridos no cooperativismo - Fotos: Pei Fon / Agência Alagoas

Rafael Maynart / Agência Alagoas e Livia Leão / Ascom Sedics

O governador Paulo Dantas, acompanhado pela secretária Alice Beltrão (Desenvolvimento Econômico), lançou nesta segunda-feira (8) o Programa Alagoas + Cooperativa, uma iniciativa com o objetivo de fortalecer o cooperativismo, o associativismo e a economia solidária no estado. O programa foi anunciado durante o Encontro do Cooperativismo Alagoano (Encoopal), realizado na manhã de hoje, no Palácio República dos Palmares.

O programa Alagoas + Cooperativa é coordenado pela Secretaria de Estado do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços (Sedics), através da Secretaria Executiva do Cooperativismo, Associativismo e Economia Solidária. A iniciativa integra ações de diversas secretarias, órgãos e entidades da sociedade civil ligadas ao tema. O principal objetivo do programa é desenvolver ações integradas e sistemáticas de formação e capacitação para os membros de cooperativas e empreendimentos de economia solidária.

Para o governador Paulo Dantas, a iniciativa é fundamental porque os alagoanos estão se inserindo cada vez mais no cooperativismo.

“O cooperativismo sempre foi um dos pontos principais de minha gestão. Em 2022 firmei o compromisso de criar uma secretaria que atuasse exclusivamente com o cooperativismo e assim fiz. Alagoas é um dos estados que mais possuem pessoas inseridas no cooperativismo e é uma das nossas fontes de renda. Milhares de pessoas sobrevivem por meio das cooperativas e, por isso, o nosso Governo dá toda a atenção necessária. Quanto mais fortalecidos, mais o nosso estado se fortalece”, declarou.

O programa também busca articular, a nível governamental, estratégias e serviços para fomentar e apoiar o setor, fortalecer o acesso ao crédito por parte das cooperativas e associações, e estimular o desenvolvimento de boas práticas de sustentabilidade ambiental, econômica, social e financeira desses empreendimentos.

A secretária Alice Beltrão destacou a importância da iniciativa para a economia local e a integração de esforços em prol do cooperativismo.

“Este programa é uma oportunidade única para integrar esforços e recursos, proporcionando às cooperativas e aos empreendimentos de economia solidária o suporte necessário para se desenvolverem e expandirem seus mercados. A meta é fortalecer o acesso ao crédito, melhorar os processos gerenciais e estimular boas práticas de sustentabilidade”, avaliou a secretária.

Entre as ações previstas pelo programa estão a formação e capacitação dos membros de cooperativas, articulação de estratégias governamentais e serviços diversos para fomentar o setor, além de incentivar o desenvolvimento de boas práticas ambientais, econômicas, sociais e financeiras. O programa também visa a expansão de redes de comercialização, tanto no ambiente público quanto em novos mercados.

O Encoopal, realizado em parceria com a União das Cooperativas da Agricultura Familiar e da Economia Solidária de Alagoas (Unicafes-AL), reuniu mais de 200 cooperativas de diversos setores econômicos. Durante o evento, foram discutidos temas como intercooperação e casos de sucesso no setor, além do lançamento de livros direcionados ao cooperativismo.

Linha de crédito

Na oportunidade, também foram anunciadas as novas possibilidades de acesso das cooperativas alagoanas às linhas de crédito da Desenvolve, como a Finep Inovacred, Finep Inovacred 4.0 e Finep Inovacred Expresso. Essas linhas de crédito, desenvolvidas em parceria com a Sedics, são voltadas para projetos de inovação e variam de R$ 10 mil a R$ 1 milhão. As condições oferecidas incluem taxas de juros a partir de TR +4,2% ao ano, carência de até 24 meses e amortizações em até 96 meses, dependendo do tipo de projeto.

Essas novas oportunidades de crédito visam estimular a inovação e o desenvolvimento sustentável das cooperativas nos diversos segmentos de atuação, como saúde, agricultura e catadores. A inclusão dessas linhas de crédito busca facilitar o acesso das cooperativas a recursos que lhes permitam aprimorar processos, desenvolver novos produtos e adotar tecnologias mais eficientes, contribuindo para o fortalecimento do setor cooperativo em Alagoas.

“O lançamento dessas linhas de crédito é um marco importante para o cooperativismo em Alagoas. Estamos oferecendo às cooperativas as ferramentas financeiras necessárias para que possam inovar e crescer de maneira sustentável, impulsionando o desenvolvimento econômico e social do estado”, afirmou Eduardo Brasil, diretor-presidente da Desenvolve.

Redação com Agência Alagoas

Galeria de Imagens