Anadia/AL

21 de julho de 2024

Anadia/AL, 21 de julho de 2024

Lula anuncia a abertura de 100 novos institutos federais até 2026; confira os locais

ABN - Alagoas Brasil Noticias

Em 12 de março de 2024

vv2

(crédito: Ricardo Stuckert / PR)

O presidente Lula (PT) anunciou nesta terça-feira a construção de 100 institutos federais em todos os estados do País até o fim do atual mandato, em 2026.

Atualmente, o Brasil conta com 682 IFs em todos os estados, com pouco mais de 1,5 milhão de estudantes. Com a construção das novas unidades, a estimativa do governo federal é de abertura de 140 mil novas matrículas.

Ao todo, serão investidos 3,9 bilhões de reais em obras viabilizadas por meio do Novo PAC.

De acordo com o Ministério da Educação, 2,5 bilhões de reais serão usadas para as novas unidades. Outro 1,4 bilhão de reais será destinado à reforma e construção de novas áreas, como ginásio e refeitório, em institutos já existentes.

Na cerimônia, em Brasília, o presidente destacou que a gestão está perto de alcançar o número de mil novos institutos federais com cursos técnicos e prometeu investimento para chegar a nova meta até o final do mandato.

“Até 2003, quando eu assumi a presidência da República, em quase um século foram feitas 140 escolas técnicas no Brasil. Nós , até agora, fizemos com essas 100, 782 escolas técnicas e estamos perto… Por que a gente não pode marcar mil institutos técnicos?”, afirmou.

A região que será contemplada com o maior número de novas unidades é o Nordeste, que contará com mais 38 institutos federais. Por estados, São Paulo, o mais populoso do País, receberá 12 unidades e Bahia e Minas Gerais serão contemplados com 8 novos IFs.

Confira onde serão construídas as novas unidades dos IF’s : 

Nordeste (38)

  • Bahia (8):

Itabuna;

Macaúbas;

Poções;

Remanso;

Ribeira do Pombal;

Ruy Barbosa;

Salvador e;

Santo Estevão.

  • Ceará (6):

Campos Sales;

Cascavel;

Fortaleza (2);

Lavras de Mangabeira e;

Mauriti.

  • Pernambuco (6):

Águas Belas;

Araripina;

Bezerros;

Goiana;

Recife e;

Santa Cruz do Capibaribe.

  • Maranhão (4):

Amarante do Maranhão;

Balsas;

Chapadinha e;

Colinas.

  • Paraíba (3):

Mamanguape;

Sapé e;

Queimadas.

  • Alagoas (3):

Girau do Ponciano;

Mata Grande e;

Maceió.

  • Piauí (3):

Barras;

Esperantina e;

Altos.

  • Rio Grande do Norte (3):

Touros;

São Miguel e;

Umarizal.

  • Sergipe (2):

Japaratuba e;

Aracaju.

Sul (13)

  • Paraná (5):

Maringá;

Araucária;

Cianorte;

Cambé e;

Toledo.

  • Rio Grande do Sul (5):

Caçapava do Sul;

São Luiz Gonzaga;

São Leopoldo;

Porto Alegre e;

Gramado.

  • Santa Catarina (3):

Tijucas;

Campos Novos e;

Mafra.

Sudeste (27)

  • São Paulo (12):

São Paulo (Jardim Ângela e Cidade Tiradentes);

Osasco;

Santos;

Diadema;

Ribeirão Preto;

Sumaré;

Franco da Rocha;

Cotia;

Carapicuíba;

São Vicente e;

Mauá.

  • Minas Gerais (8):

João Monlevade;

Itajubá;

Sete Lagoas;

Caratinga;

São João Nepomuceno;

Belo Horizonte;

Minas Novas e;

Bom Despacho.

  • Rio de Janeiro (6):

Rio de Janeiro (Cidade de Deus e Complexo do Alemão);

Magé;

Belford Roxo;

Teresópolis e;

São Gonçalo.

  • Espírito Santo (1):

Muniz Freire

Norte (12)

  • Pará (5):

Barcarena;

Redenção;

Tailândia;

Alenquer e;

Viseu.

  • Amazonas (2):

Santo Antônio do Içá e;

Manicoré.

  • Rondônia (1):

Butiritis

  • Tocantins (1):

Tocantinópolis

  • Acre (1):

Feijó

  • Amapá (1):

Tartarugalzinho

  • Roraima (1):

Rorainópolis

Centro-Oeste (10)

  • Goiás (3):

Cavalcante;

Porangatu e;

Quirinópolis.

  • Mato Grosso (3):

Água Boa;

Colniza e;

Canarana.

  • Distrito Federal (2):

Sol Nascente e;

Sobradinho.

  • Mato Grosso do Sul (2):

Paranaíba e;

Amambaí.

*Redação com Carta Capital 

Galeria de Imagens