Anadia/AL

21 de julho de 2024

Anadia/AL, 21 de julho de 2024

Lula diz que não discutiu Essequibo com presidente da Guiana e que também não falará do assunto com Maduro

ABN - Alagoas Brasil Noticias

Em 29 de fevereiro de 2024

Lula

Lula e Mohamed Irfaan Ali (Foto: Ricardo Stuckert/PR)

Em conversa com jornalistas após a reunião bilateral que manteve nesta quinta-feira (29) com o presidente da Guiana, Mohamed Irfaan Ali, em Georgetown, o presidente Lula (PT) afirmou que a disputa territorial com a Venezuela pela região de Essequibo não esteve na pauta. Lula ainda afirmou que também não pretende tocar no assunto no encontro que terá nos próximos dias com o mandatário venezuelano, Nicolás Maduro. “Não discutimos a questão de Essequibo. Não era o momento.

Era uma reunião bilateral para discutir investimento, para discutir desenvolvimento. Mas o presidente Irfaan sabe, como sabe o presidente Maduro, que o Brasil está disposto a conversar com eles a hora que for necessário porque nós queremos convencer as pessoas de que é possível, através de muito diálogo, a gente encontrar a manutenção da paz. Da mesma forma que eu não vou discutir com o presidente Maduro essa questão, porque a reunião não é para isso. Eu vou para a Celac, vou encontrar com o Maduro, não pretendo discutir”.

Lula afirmou que quando Venezuela e Guiana, assim como o presidente da Celac (Comunidade de Estados Latino-americanos e Caribenhos) e de São Vicente e Granadinas, Ralph Gonçalves, julgarem ser o momento de uma nova reunião para tratar da disputa, o Brasil “estará à disposição”. “A hora que eles quiserem marcar uma reunião e o presidente Ralph, que é o coordenador, quiser marcar, o Brasil estará totalmente à disposição para participar, porque o Brasil tem uma decisão de que o mundo não comporta mais atrito.

O mundo precisa encontrar paz para a gente poder construir um mundo mais humanitário, mais solidário, um mundo com menos sofrimento”.

Redação com Brasil 247

Galeria de Imagens