Anadia/AL

20 de junho de 2024

Anadia/AL, 20 de junho de 2024

Marta repensa aposentadoria da Seleção para jogar Copa de 2027 em casa

Aos 38 anos, Marta afirmou que pode voltar atrás da decisão pelo sonho de disputar o Mundial no Brasil em 2027.

ABN - Alagoas Brasil Noticias

Em 1 de junho de 2024

esporte 1

Foto: Reprodução.

Metrópoles

Se fosse um filme, a entrevista coletiva de Marta na sexta-feira (31/5) daria uma verdadeiro plot-twist. Após anunciar que se aposentaria da Seleção Brasileira ao fim do ano, a atacante de 38 anos voltou atrás e admitiu a possibilidade de prolongar o ciclo com a Amarelinha.

Às vésperas do primeiro amistoso contra a Austrália, que será disputado neste sábado (1º/6) no Recife, a jogadora surpreendeu a todos ao revelar a vontade de disputar uma Copa do Mundo em casa. A fala veio pouco mais de um mês após Marta afirmar que esta seria sua última temporada defendendo o Brasil, e que encerraria a carreira no time nacional após a disputa das Olimpíadas de Paris. No entanto, a decisão recente, anunciada no dia 17 de maio em Bangkok, na Tailândia, de que o Brasil sediará a próxima edição da Copa do Mundo, reacendeu um antigo sonho da atleta.

“Prefiro viver um dia de cada vez. Fiz minha declaração sobre a seleção no começo deste ano, mas tem uma Copa do Mundo vindo aí”, comentou Marta, visivelmente entusiasmada com a perspectiva de uma Copa em solo brasileiro. “Se eu não estiver em campo, estarei aqui no Brasil, jogando com elas de qualquer maneira. Sempre sonhei em disputar uma Copa do Mundo no Brasil”, afirmou entre muitas lágrimas.

Se não for possível atuar como jogadora, Marta expressou o desejo de contribuir de outra forma, possivelmente integrando a comissão técnica. A jogadora tem um histórico de lutas e tentativas para conquistar um Mundial com a seleção brasileira, mas ainda não teve sucesso. Na última edição, o Brasil foi eliminado na primeira fase.

“Estando em campo ou não, quem sabe eu não dou uma pisadinha no gramado antes do jogo. Mas é algo que quero viver intensamente. Quando o anúncio foi feito, não pensei em outra coisa senão estar aqui no Brasil, junto com as meninas e com todos vocês, vivendo esse momento que será histórico”, concluiu Marta, emocionada.

* Gazeta Web

Galeria de Imagens