Anadia/AL

21 de junho de 2024

Anadia/AL, 21 de junho de 2024

MP e SSP cumprem 20 mandados contra organização criminosa que atua no tráfico de drogas no interior de AL

Denominada "Indigente", a ação cumpre sete mandados de prisão e 13 de busca e apreensão nas cidades de Palmeira dos Índios, Minador do Negrão, Tanque D’arca, Satuba e Taquarana.

ABN - Alagoas Brasil Noticias

Em 11 de abril de 2024

VEEE

Foto: Reprodução

Uma operação está sendo realizada na manhã desta quinta-feira, 11, pelo Ministério Público do Estado de Alagoas (MPAL) e a Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP), com o objetivo de combater o tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo, em cinco municípios das regiões Agreste e Sertão.

Denominada “Indigente”, a ação cumpre sete mandados de prisão e 13 de busca e apreensão nas cidades de Palmeira dos Índios, Minador do Negrão, Tanque D’arca, Satuba e Taquarana. Os mandados judiciais foram expedidos pela 17ª Vara Criminal da Capital.

O trabalho investigativo visa desarticular uma organização criminosa que atua no comércio ilegal de tráfico de drogas. A apuração descobriu, dentre outras coisas, que os entorpecentes saiam de Maceió com a finalidade de serem vendidos no interior.

As investigações foram realizadas através de um serviço conjunto entre a SSP, o 10° Batalhão da Polícia Militar e o Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas (Gaeco), por meio da promotora de Justiça Martha Bueno, cuja atribuição é atuar no enfrentamento ao tráfico de entorpecentes.

Para dar cumprimento aos mandados judiciais expedidos, foram empregados policiais militares dos 3º e 10° Batalhões de Polícia Militar, e policiais civis da 5º Delegacia de Palmeira dos Índios.

A operação Indigente ganhou este nome em razão da dificuldade de identificação civil do líder do tráfico nos municípios onde os trabalhos foram realizados de forma integrada.

Fonte: TNH1

Galeria de Imagens